Acadêmicos de Ipuca: sua história e tradição

gresai1
Fotos: Caio fotografias

O Grêmio Recreativo Escola de Samba Acadêmicos de Ipuca, foi fundado em 20 de Janeiro de 1985, pela Famílias Conceição e Souza, Albano, Zé Pretinho e Mudinho, que inclusive foi o primeiro Presidente da Vermelha e Branca.
Um trabalho árduo de paixão ao samba e carnaval, que reunia famílias e amigos no objetivo de representar o bairro com alegria e samba no pé, levando para a Avenida o primeiro desfile da GRESAI com um dos mais bonitos Sambas de Enredo do Carnaval Fidelense. A Àguia embalou a população.
Em 2002 a Escola emocionou e ganhou o Título homenageando o Ex-Prefeito Guilherme Tito de Azevedo. Com Samba de Enredo de autoria do Compositor PC, a Vermelha e Branca contou a vida, a Glória e o trabalho desse inesquecível fidelense.
Em 2012, depois de longos anos fora do Carnaval, a Escola voltou a brilhar. Tia Rose, conhecida no bairro, reuniu uma diretoria disposta a resgatar toda a história e junto com Marcelo Aráujo, começou do zero: instrumentos, materiais e pessoas dispostas a acreditar outra vez. Foi um belo desfile de superação que surpreendeu a todos.
Esse ano, a Escola leva para a avenida o enredo ” Entre trevas e luz.. um Universo de amor!” Autoria dos Sambistas Marcelo Araujo e Carlinhos Pastor. Na Presidência Tia Lena e como Carnavalesco, Júlio.

Primeiro desfile da acadêmicos de Ipuca em 1985
Primeiro desfile da acadêmicos de Ipuca em 1985

Confira o 1º Samba de Enredo da GRESAI:

“Ipuca, seu passado e sua gente!”
Lord Tumatão

Ipuca, seu passado e sua gente
Na avenida está presente
Hoje é tema de Carnaval
Vou esquecer meu dia-a-dia
Vou cair na folia com esse tema original *bis
Trazendo gente humilde hospitaleira
Povo bom de Gafieira, de forró e muita fé
E no esporte, quando o Estrela Entra em campo
A galera se levanta, a torcida pede olé
Comércio ativo, chaminés a funegar
O sol forte na piscina, morena a se queimar
Bairro querido, Explode Coração De vermelho e Branco
Vou cantando essa canção
Nesse vai e vem, nesse embalo eu vou
Arrepia moçada a Ipuca chegou*bis


Mais do SFn

SFn