sábado , 10 dezembro 2016
delegacia civil cambuci

Acusado de estuprar criança em Cambuci se entrega à polícia O crime chocou o município. Segundo a polícia um dos acusados entregava a própria filha para ser abusada.

O crime chocou o município. Segundo a polícia um dos acusados entregava a própria filha para ser abusada.

Fotos: Vinnicius Cremonez/Arquivo
Ele se entregou na delegacia de Itaocara

A.C. Lima Honorato, de 47 anos, acusado de estuprar uma criança em Cambuci, se entregou à polícia na manhã desta segunda-feira (14/11). Foragido desde o dia 31 de outubro, quando a Polícia Civil do município pediu a prisão do acusado à Justiça, Honorato se entregou hoje na 135ª Delegacia Legal de Itaocara.

Já M.A.M de Azevedo, de 46 anos, está preso desde o dia 31 (foto abaixo). Ele é acusado de abusar da amiga da filha, de 10 anos, e ter entregado a sua filha, de 11 anos, para ser estuprada por Antônio. Em entrevista ao SF Notícias, o delegado titular da 142ª Delegacia Legal do município, Dr. Luiz Augusto Carvalho de Souza, disse que as investigações apontam que as meninas teriam sido estupradas várias vezes entre setembro e outubro, sendo uma delas, em um motel no município de Itaocara.

Elas também teriam sido abusadas em uma ilha em Cambuci, onde os quatro iam tomar banho de rio. Os indiciados, após oferecida a denúncia pelo Ministério Público, responderão por estupro de vulnerável, e se condenados, pode pegar pena de 8 (oito) a 15 (quinze) anos.

M.A.M de Azevedo também pode responder por levar a sua filha para satisfazer a lascívia de seu amigo, que resulta em reclusão, de dois a cinco anos. A Polícia Civil não divulgou os nomes completos dos acusados para não expor as crianças.

acusado-de-estupro

SFn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *