sexta-feira , 18 outubro 2019

Acusado de homicídio na Chatuba, em São Fidélis, é preso em Pureza Segundo informações da PM, após o crime ele teria parado em um quiosque para lanchar e passou a noite escondido no distrito. Na delegacia, a mãe disse que presenciou o crime

Segundo informações da PM, após o crime ele teria parado em um quiosque para lanchar e passou a noite escondido no distrito. Na delegacia, a mãe disse que presenciou o crime

Imagens: SF Notícias

Foi preso na manhã deste sábado (05/10) o homem apontado como sendo o autor do homicídio ocorrido no final da tarde desta sexta-feira (04) em São Fidélis. De acordo com informações da Polícia Militar, Enderson da Costa Silva, de 20 anos, conhecido como “Bebezão”, foi preso por policiais do Destacamento de Policiamento Ostensivo (DPO) de Pureza. Ele foi encontrado andando próximo ao posto de saúde do distrito. Ele é apontado como autor do assassinato de Elson Basílio Gomes Júnior, de 23 anos. O crime aconteceu por volta das 17h, na Rua Zeca Bonfim, rua de acesso ao conjunto habitacional popular (casinhas populares) da Chatuba, próximo ao escadão. O Corpo de Bombeiros chegou a ser acionado, mas quando os militares chegaram ao local, Elson já estava sem vida. Segundo denúncias passadas para a PM, Enderson teria ido para o distrito após o crime, e parado em um quiosque para lanchar. PMs fizeram buscas na noite de ontem em Pureza, mas ele não tinha sido encontrado até ser preso neste sábado. (continua após a publicidade)

Ainda de acordo com a polícia, Enderson já possui passagem, e havia sido preso por tráfico de drogas no último dia 30, mas liberado em uma audiência de custódia. Ele havia sido flagrado recebendo dinheiro proveniente da venda de droga. O suspeito que fez o pagamento conseguiu fugir ao perceber a chegada dos policiais. Após ser preso neste sábado, ele foi encaminhado para a 141ª Delegacia Legal de São Fidélis, mas transferido para a 134ª DP do Centro de Campos, responsável pelos flagrantes do final de semana. A PM informou ainda que na delegacia, a mãe dele disse que presenciou o crime, e que viu o filho atirar pelo menos duas vezes. O primeiro disparo mascou, e o segundo, atingiu as costas. (continua após a publicidade)

Dois suspeitos de envolvimento com o crime foram detidos ainda na noite de ontem (04). Segundo informações da Polícia Militar, um dos detidos, identificado como F.S.R.L., de 18 anos, teria fornecido a arma usada no crime. O outro detido é um menor de 16 anos, que segundo denúncias passadas para a PM, estaria no momento do crime. Ambos foram encontrados escondidos em uma residência. Eles foram encaminhados para a 141ª Delegacia Legal de São Fidélis. O menor foi liberado após prestar depoimento. Já F.S.R.L. foi autuado por envolvimento no homicídio e permaneceu preso. Ele será encaminhado para uma audiência de custódia. A arma usada no crime ainda não foi encontrada. (continua após a publicidade)

A Polícia Militar informou ainda que uma briga entre duas facções pelo ‘domínio’ da área teria motivado o crime. O homem assassinado, que é natural de Cabo Frio e que atualmente estava residindo em São Fidélis, teria ligação com a facção atuante na comunidade do Salgueiro, no Rio. Denúncias passadas para os policiais no local do crime dão conta de que Elson teria passado alguns dias no Salgueiro e retornado nesta semana para São Fidélis. Peritos do Posto Regional de Polícia Técnica Científica periciaram o local. O corpo de Elson foi removido pelo rabecão do Corpo de Bombeiros e encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Campos. O crime foi registrado e segue sendo investigado na 141ª Delegacia Legal da cidade.

Mais do SFn