terça-feira , 27 junho 2017

Acusado de matar mulher, os três filhos e colocar fogo na casa é encontrado em vala de esgoto Polícia Civil diz que acusado teria voltado para executar a sogra que havia sido baleada por ele no dia da chacina

Polícia Civil diz que acusado teria voltado para executar a sogra que havia sido baleada por ele no dia da chacina

As três crianças mortas                                                       Foto: Reprodução/Facebook)

Foi preso no começo da noite desta quarta-feira (29/03) o homem acusado de ter matado a mulher, os três filhos, baleado a sogra e ter colocado fogo na residência da família em Petrópolis, na Região Serrana do Rio de Janeiro. 

Em entrevista ao SF Notícias, o comandante do 26º Batalhão de Polícia Militar da cidade, o tenente coronel Eduardo Vaz Castelano, disse que o crime teria acontecido após uma briga entre o pedreiro Jorge Luiz Evangelista, de 52 anos, e Luciana Evangelista, de 33 anos. Jorge não se aceitava o fim do relacionamento. 

Além de Luciana, Jorge também é acusado de ter matado os três filhos, identificados como Evelyn, de 13 anos, Emili, de 10, e Wesley, de 8 anos. Ele ainda colocou fogo na residência e fugiu. A mãe de Luciana também foi baleada. Ela foi levada para uma unidade de saúde, onde foi atendida e liberada. 

Ainda de acordo com Castelano, Jorge Luiz Evangelista foi encontrado no começo da noite desta quarta-feira em uma espécie de valão na Rua Henrique Paixão, no bairro Provisória, próximo da residência onde o crime aconteceu. Policiais civis e militares foram ao local para conter a população que queria linchar o acusado. Ele estava com marcas de queimadura e provavelmente teria contraído uma infecção devido o tempo em que ficou no esgoto. 

Jorge foi levado para o Hospital Santa Tereza, onde permanece internado e sendo escoltado pela Polícia Militar. Baixe agora o aplicativo do SFn no seu celular! https://goo.gl/w4WvaY.



Mais do SFn

SFn