terça-feira , 11 dezembro 2018

Adiado julgamento do acusado de matar fidelense em Itaocara Milena Couto Monteiro foi baleada dentro do carro do namorado, identificado como Júlio Cézar Navega

Milena Couto Monteiro foi baleada dentro do carro do namorado, identificado como Júlio Cézar Navega

Fotos: arquivo

Seria realizado nesta quarta-feira (21/02) no Fórum do município de Itaocara o julgamento de Júlio Cézar Freire Navega, que é acusado de matar a namorada Milena Couto Monteiro, de 18 anos. Ela foi baleada na noite do dia 14 de agosto de 2016 dentro do carro de Júlio durante uma discussão. O caso aconteceu na RJ-116, próximo ao Parque de Exposições de Itaocara.

Na noite do ocorrido, segundo informações da Polícia Civil, Júlio chegou a dizer que Milena teria efetuado o disparo em sua própria cabeça, mas acabou sendo preso. Ainda de acordo com a Polícia Civil, ele contou que jogou a arma fora e levou os policiais até o local onde estaria a arma, mas ela não foi encontrada até hoje.

Milena foi internada em um hospital particular de Itaocara, mas transferida para o Hospital São José do Avaí, em Itaperuna, onde não resistiu aos ferimentos e morreu no dia 16 daquele mês. Ela foi enterra no Cemitério de Cambiasca, onde morava.

Segundo informações de familiares de Milena, o julgamento foi adiado devido a falta de uma testemunha que não pode estar presente. O julgamento foi remarcado para março.


Mais do SFn