Alerj aprova criação de política estadual de segurança nas rodovias do Estado O projeto prevê a realização de operações integradas entre diferentes forças de segurança, como a Polícia Militar e a Polícia Rodoviária

O projeto prevê a realização de operações integradas entre diferentes forças de segurança, como a Polícia Militar e a Polícia Rodoviária

Fotos: Vinnicius Cremonez

Normas para fiscalização, monitoramento e proteção das rodovias que cortam o estado do Rio. Esses são os objetivos da Política Estadual de Barreiras de Segurança nas rodovias, que pode ser criada pelo projeto de lei 835/15, do deputado Zaqueu Teixeira (PDT). A Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou o texto na quinta-feira (22/06), em segunda discussão. O projeto seguirá para o governador Luiz Fernando Pezão, que terá 15 dias úteis para sancionar ou vetar.

O projeto prevê a realização de operações integradas entre diferentes forças de segurança, como a Polícia Militar e a Polícia Rodoviária, para reprimir o tráfico de armas e drogas, furtos e roubos de carros e de cargas, além de outros tipos de crime.Também está no plano o desenvolvimento de programas e ações de inteligência, ampliação dos postos de fiscalização, entre outras ações. A proposta autoriza o Executivo a criar um batalhão de controle de divisas do estado e uma delegacia especializada em repressão a armas e explosivos.

Zaqueu diz que notícias recentes mostram que a fragilidade na fiscalização possibilita a entrada de armas e munições no país, que muitas vezes têm o estado do Rio como destino. “A Secretaria de Estado de Segurança informou que foram apreendidos em média 1,2 fuzis por dia no Rio. Em 2015, as estatísticas revelaram um aumento médio de 70% nas apreensões de fuzis e granadas, em comparação com o ano anterior.

Fez algum registro? Mande fotos e vídeos para o nosso WhatsApp (22) 99793-8976. Baixe agora o aplicativo do SFn no seu celular! https://goo.gl/w4WvaY.


Mais do SFn