segunda-feira , 26 junho 2017

Alerj deve proibir instalação de radares em áreas consideradas de risco “Hoje você tem duas escolhas: ou ser multado, ou ser assaltado", diz deputado

“Hoje você tem duas escolhas: ou ser multado, ou ser assaltado", diz deputado

Foto: SF Notícias

A Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou nesta terça-feira (11/04), em primeira discussão, o projeto de lei 1.934/16, do deputado Dionísio Lins (PP), que proíbe a instalação de novos radares de velocidade próximos a áreas consideradas de risco. A Alerj ainda votará o texto em segunda discussão.

O texto considera áreas de risco “aquelas cujas comunidades são mapeadas e conhecidas por serem de alto índice de violência e confronto armado em vias urbanas”. A proposta também estabelece que o Executivo, em conjunto com os municípios, realize um estudo para retirarem, de forma gradual, os radares já instalados nessas áreas, sem que a ação gere prejuízo a possíveis contratos com empresas que administrem os dispositivos.

“Hoje você tem duas escolhas: ou ser multado, ou ser assaltado. Então é necessário garantir à população que ela não vai infringir as leis de trânsito quando a área for considerada de risco”, comentou o deputado.



Mais do SFn

SFn