quarta-feira , 23 agosto 2017

Americano e Goytacaz: uma novela sem um final feliz

hyfagouiwahpo
Fotos: Igor Carlos/Arquivo

A novela que envolve os dois principais times da região Norte Fluminense, não terá um final feliz para um deles, pelo menos foi o que afirmou o presidente do Goytacaz Robson Barreto.

O time alvinegro estava disposto a pagar R$ 5 mil reais por jogo ao Goytacaz para não ter que disputar os jogos da série B do Campeonato Carioca no Estádio Antônio Ferreira de Medeiros em Cardo Moreira, mas o presidente o Goyta disse que não vai alugar o Estádio Ary de Oliveira e Souza ao rival. O Americano já tinha até arrumado financiador para arcar com o aluguel do Estádio.

Com a decisão do presidente do Goyta em não alugar o Estádio para o Americano, o clássico entre os dois times o qual o mando de campo será do Americano, provavelmente será disputado em Cardosos Moreira. O Americano ainda precisa apresentar laudos para a liberação do Estádio de Cardoso.

O motivo da decisão do presidente do Goytacaz, seria uma grande pressão feita por torcedores, que não querem que o Estádio seja alugado para o arquirrival.

ydgouhipoO Americano vendeu o Estádio Godofredo Cruz para uma empresa de construção civil. Em troca, o time terá uma casa nova com três campos de treinamento, área de musculação,  departamento médico, ginásio, centro de treinamento e um Estádio com capacidade para dez mil pessoas.

Em entrevista a nossa redação, o integrante da organizada Jovem Goyta, Rodrigo Rossi, disse que devido a rivalidade entre os dois times na cidade, o Estádio não deve ser alugado, além da pressão feita pela massa alvianil  em ser contra o empréstimo do Estádio.

“Tenho certeza que o presidente do Goytacaz levou isso em consideração a decisão”. concluiu Rodrigo.

 

 


Mais do SFn

SFn