quarta-feira , 18 setembro 2019
Foto: Reprodução Canal GS1

Após ato de vandalismo, imagem de Nossa Senhora retornará para monumento, em Aperibé Em outubro de 2018, o monumento que abrigava a imagem, no "trevo do meio", teve os vidros quebrados e a imagem foi furtada

Em outubro de 2018, o monumento que abrigava a imagem, no "trevo do meio", teve os vidros quebrados e a imagem foi furtada

Fotos: Reprodução

Em outubro de 2018, casos de vandalismo contra igrejas de Aperibé deixaram moradores indignados. No trevo da RJ-116 com a RJ-194, uma guarita que abrigava uma imagem de Nossa Senhora Aparecida teve os vidros quebrados e a imagem foi retirada.

Pedaços da imagem foram encontrados próximo ao local onde a mesma ficava. A delegacia de Santo Antônio de Pádua chegou a abrir um inquérito para identificar o autor do ataque à imagem da Padroeira do Brasil. O local que abrigava a imagem de Nossa Senhora foi construído pelo então prefeito Flávio Gomes, e a imagem havia sido doada por Carlos Augusto Mafra Correa.

O registro do furto da imagem foi feito pelo Padre Elias Cruz de Oliveira, responsável pela Paróquia São Sebastião, a Igreja Matriz de Aperibé. O caso foi registrado como furto, dano contra o patrimônio público e crime contra o sentimento religioso.

Nesta segunda (11/02), meses após o ocorrido, a imagem finalmente retornará ao seu monumento. O pároco da Igreja Matriz convidou a população para participar da Santa Missa, às 19h30 e em seguida seguir em procissão, junto à imagem da santa, e seguir até o monumento no “trevo do meio” seja de carro, bicicleta, moto ou cavalo.


Mais do SFn