Barco fica à deriva e família é resgatada; Pai, mãe e o filho de 4 anos seguiam de Macaé para o Espírito Santo O barco começou a afundar e o filho do casal foi lançado ao mar, ficando por alguns minutos desaparecido, mas foi encontrado e encaminhado com hipotermia ao hospital

O barco começou a afundar e o filho do casal foi lançado ao mar, ficando por alguns minutos desaparecido, mas foi encontrado e encaminhado com hipotermia ao hospital

Momento em que as equipes tentavam localizar a família

Um casal e o filho, de apenas 4 anos, viveram momentos de desespero após o barco em que eles estavam ter ficado à deriva no litoral do Estado do Rio de Janeiro. A família saiu de Macaé e seguia para Marataízes, no Espírito Santo. No barco eles transportavam alguns eletrodomésticos, já que a família estava de mudança.

Quando o barco estava prestes a naufragar, devido ao mar estar agitado e com muitas ondas, a família pediu socorro para a Polícia Militar. Foram horas de aflição à espera do resgate, que aconteceu durante a madrugada desde domingo (31/03) no município de Carapebus, vizinho a Macaé.

O barco começou a afundar e o filho do casal foi lançado ao mar, ficando por alguns minutos desaparecido, mas foi encontrado e encaminhado com hipotermia ao Hospital de Carapebus, e já foi liberado.

“De imediato foram socorridos e graças a ação rápida e eficiente dos policiais militares da sala de operações que mantiveram contato constante com a família a fim de ter o mínimo de informações que pudesse indicar o local que estavam”, informou o 32º BPM.

Policiais militares do Grupamento de Ações Táticas (GAT) foram enviados ao litoral do município de Carapebus, e receberam o apoio de agentes Guarda Ambiental Municipal. Durante o trajeto para a localização da família, os policiais encontraram dois homens que também tentavam localizar a família, mas se perderam e foram resgatados pelos militares.


Mais do SFn