sexta-feira , 18 outubro 2019

Biometria passa a ser obrigatória em S.Fidélis na próxima segunda; Veja aqui se você precisa ou não fazer A partir de segunda (17) também terão início algumas mudanças e medidas determinadas pelo juiz da 35ª Zona Eleitoral da cidade, pelo Cartório e em parceria com a Câmara Municipal e Prefeitura

A partir de segunda (17) também terão início algumas mudanças e medidas determinadas pelo juiz da 35ª Zona Eleitoral da cidade, pelo Cartório e em parceria com a Câmara Municipal e Prefeitura

Desde o final do mês passado o SF Notícias vinha alertando aos moradores de São Fidélis para que eles pudessem se antecipar e fazer o cadastramento biométrico sem enfrentar filas. Agora, o cadastramento passar a ser oficialmente obrigatório no município a partir da próxima segunda-feira (17/06). Cerca de 22 mil eleitores devem passar pelo Cartório Eleitoral num prazo estimado de seis meses, isto é, cerca de 4 mil eleitores/mês, o que, inevitavelmente, acarretará longas filas.

Para fazer o cadastramento o eleitor precisa agendar no site do TRE (AQUI). Neste outro link (AQUI) é possível verificar se você está dispensado ou não de realizar o cadastramento biométrico, pois algumas biometrias foram importadas do Detran e validadas na urna na eleição presidencial. Caso você precise, após fazer o agendamento no site é só comparecer no cartório eleitoral no dia/hora agendado, portando os seguintes documentos originais (não é necessário levar cópia, somente os originais):

  • Título de eleitor
  • Documento oficial de identificação com foto
  • CPF
  • Comprovante de residência recente
  • Guia de multa paga (para aqueles que porventura tenham deixado de votar).

A partir de segunda (17) também terão início algumas mudanças e medidas determinadas pelo juiz da 35ª Zona Eleitoral da cidade, pelo Cartório e em parceria com a Câmara Municipal e Prefeitura. Com o objetivo de agilizar os atendimentos e evitar que eleitores não concluam a biometria, especialmente os da zona rural e distritos, o Juiz Titular da 35ª Zona Eleitoral, Márcio Roberto da Costa, suspendeu a cobrança de multas por ausência às urnas em eleições passadas até o dia 1º de dezembro.

Em sua decisão o juiz considerou o grande número de eleitores que precisará fazer o cadastramento comparado a apenas seis atendentes do Cartório Eleitoral; o fato de que a única agência do Banco do Brasil no município fecha às 15h; o número de distritos e dificuldade de acesso de algumas localidades, além dos horários reduzidos de ônibus. A medida será suspensa assim que terminar o prazo do cadastramento biométrico.

Mudança no acesso ao Cartório Eleitoral 

Também a partir desta segunda-feira (17/06) e até dezembro os eleitores passarão a acessar o Cartório pelos fundos do Fórum, na Rua Coronel João Sanches, evitando, por exemplo, que um eleitor que porventura compareça de camiseta, seja impedido de entrar e tenha que retornar uma segunda vez.

Em parceira com a Prefeitura serão instaladas duas tendas nas rampas, com cadeiras, para os moradores aguardarem o atendimento. A Prefeitura também fará a divulgação em todas as festividades e/ou eventos realizados pelo poder público, ou apoiados por ele e no contracheque dos servidores, além de cartazes fixados em todas as repartições públicas do município, ônibus de transporte de alunos, e, também, na empresa que detém a concessão dentro do município.

Também haverá divulgação na rede pública municipal de ensino, via professores e, também, “bilhetes” nas agendas dos alunos, para divulgação aos pais e responsáveis legais. Nos distritos haverá divulgação por moto som. Serão disponibilizados ainda ônibus para transporte gratuito de eleitores dos distritos, com periodicidade a ser definida pelo Juízo e com divulgação prévia da ação na localidade. A Câmara Municipal fará a divulgação em seu site e também no contracheque dos servidores.

Mais do SFn