sexta-feira , 2 dezembro 2016
asdfdhjkljlcklcllc

Brasil vence Irã por 1 a 0 e ganha quarto ouro seguido no futebol de cinco

sadfjkhjjhljkl
Ueslei Marcelino/Reuters/Direitos Reservados

Com o Centro Olímpico de Tênis (no Parque da Barra, Rio de Janeiro) lotado, a seleção brasileira de futebol de cinco confirmou o favoritismo na competição e venceu o Irã por 1 a 0. O gol da vitória foi marcado por Ricardinho, aos 12 minutos do primeiro tempo. Esta é a quarta vez seguida que o Brasil ganha o ouro na modalidade. Só que esses jogos tiveram um sabor especial para o autor do lance decisivo. “Foi diferente porque jogamos em casa, com a nossa torcida perto e eu tive uma lesão muito forte. Vai ficar marcado para mim. Quando eu tive o laudo que tinha rompido dois ligamentos, achei que não ia dar mais. Mas você vê como são as coisas… sair do fundo do poço para fazer o gol do título”.

No geral, a partida contra o Irã foi equilibrada, conforme indica o placar apertado. Mesmo com o domínio da posse de bola e com mais chances de gol, o Brasil parou na muralha iraniana Shojaeiyan. Em quase todas as jogadas, ele defendeu. Mas, dos 22 chutes do Brasil no jogo, uma entrou. Ricardinho lembra que teve instruções fundamentais do banco para fazer a diferença no campo. “O goeliro do Irã é muito alto e bom e o Fábio (técnico) orientou para a gente chutar bola rasteira. Quando foi lá, eu arrisquei foi lá. Só alegria”, explicou.

De acordo com o técnico Fábio Vasconcelos, a vibração que veio das arquibancadas colaborou bastante para o desfecho do campeonato.”O público ajudou muito. O campeonato foi muito difícil, perdemos dois jogadores antes dos jogos. Mas a torcida ajudou muito. Decidimos o título nos detalhes”.

SFn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *