Cachorros voltam a ser envenenados na estrada do Palmital, em São Fidélis Somente no ano passado, 11 cachorros foram encontrados mortos com sinais de envenenamento ao longo da mesma estrada e em propriedades

Somente no ano passado, 11 cachorros foram encontrados mortos com sinais de envenenamento ao longo da mesma estrada e em propriedades

Fotos: Reprodução

A crueldade com os animais voltou a deixar moradores de São Fidélis indignados. Nesta terça (05), vídeos de cachorros e até urubus, que teriam sido envenenados, foram divulgados em uma página no Facebook, voltada para divulgação de adoções e pedidos de ajuda para os animais.

“Isso aí que é triste, a turma enchendo a rua de veneno, matando cachorro dos outros” – disse um morador no vídeo, que mostra dois cães mortos, aparentando ser da raça Burriler, conhecida como uma das raças que melhor auxiliam no pastoreio do gado. O outro vídeo mostra um urubu morto e outro tremendo, após provavelmente terem ingerido veneno.

A suspeita é a mesma do ano passado, quando seis cachorros (fotos abaixo) também foram encontrados mortos, com sinais de envenenamento, ao longo da estrada do Palmital no mês de agosto. Os venenos seriam colocados em pedaços de carne e pelanca.

Continua após a foto

Ainda em 2018, no mês de janeiro, as cadelas Cisa (de cinco anos) e Mia (de oito anos) morreram envenenadas. As duas viviam na rua, mas ganharam um lar ao serem adotadas por uma moradora da cidade, e estavam morando em um sítio na localidade de Palmital, onde morreram ao comerem pelanca com veneno que estava em uma sacola, que teria sido jogada por um homem. Um dia depois, no mesmo sítio, Apolo, que tinha um ano e meio, também foi encontrado morto com sinais de envenenamento.

Outros dois cachorros também apareceram mortos na mesma estrada em fevereiro do ano passado. Ainda naquele mês, dois cachorros foram encontrados mortos com sinais de envenenamento no bairro Barão de Macaúbas, ao lado do Tiro de Guerra. Eles também teriam comido pelanca que estava em uma sacola.

“Infelizmente muitos cachorros irão ser envenenados, pois não se faz nada, a Justiça é injusta, impune… há um ano eu perdi meus três cachorros em janeiro, e jogaram veneno para sete no palmital, é a mesma pessoa praticando o crime… prendam seus cães, os meus estão presos num cercado grande que coloquei” – disse uma moradora.


Mais do SFn