quinta-feira , 20 junho 2019

Cadastramento biométrico obrigatório começa hoje em Cambuci, Cantagalo e Itaocara Os moradores de São Fidélis, para evitar transtornos e grandes filas, já podem se antecipar e fazer o cadastramento biométrico. Veja como:

Os moradores de São Fidélis, para evitar transtornos e grandes filas, já podem se antecipar e fazer o cadastramento biométrico. Veja como:

Fotos: SF Notícias

Começa hoje (05/06) em 12 municípios do Estado do Rio de Janeiro o cadastramento biométrico obrigatório. Em nossa região o cadastramento começa hoje em Cambuci, Cantagalo, Conceição de Macabu e Itaocara.

O lançamento da campanha do cadastramento biométrico obrigatório, que atingirá 35 municípios fluminenses até o final deste ano, será realizado no posto biométrico de Duque de Caxias. A cerimônia terá a presença do presidente do TRE-RJ, desembargador Carlos Santos de Oliveira e do corregedor eleitoral e vice-presidente, desembargador Cláudio Brandão de Oliveira.

Na região, o cadastramento também será obrigatório este ano para eleitores de Bom Jesus do Itabapoana, Santa Maria Madalena, Conceição de Macabu, Porciúncula, Natividade, Varre e Sai, Italva, Cardoso Moreira, Laje do Muriaé, Miracema, Cordeiro e Macuco, mas nesses municípios, ainda não se tem uma data definida para o início do cadastramento.

Em São Fidélis

Só em São Fidélis, 24 mil eleitores (que ainda não fizeram a biometria) passarão pelo cartório eleitoral num prazo estimado de seis meses, isto é, cerca de 4 mil eleitores/mês, o que, inevitavelmente, acarretará longas filas. Para evitar transtornos, os moradores da “cidade poema” já podem se antecipar e fazer o cadastramento biométrico.

Basta acessar o site do TRE-RJ e fazer o agendamento (AQUI). Depois é só comparecer no cartório eleitoral no dia/hora agendado, portando os seguintes documentos originais (não é necessário levar cópia, somente os originais):

  • Título de eleitor
  • Documento oficial de identificação com foto
  • CPF
  • Comprovante de residência recente
  • Guia de multa paga (para aqueles que porventura tenham deixado de votar).

Observações importantes

1) Se houver necessidade de alteração de nome/sobrenome, deverá levar a respectiva Certidão de Casamento (via original);

Caso tenha deixado de votar em algum pleito, terá que quitar o(s) débito(s), mediante pagamento de multa no Banco do Brasil (pagamento exclusivo no BB). Nesse caso, comparecer no cartório eleitoral, antes da data agendada para a biometria, e retirar a guia de multa.


Mais do SFn