quinta-feira , 19 julho 2018

Carga de celulares avaliada em R$ 3,4 milhões é roubada no Aeroporto do Galeão Criminosos estavam armados e usavam uniformes semelhantes aos dos funcionários do terminal de cargas

Criminosos estavam armados e usavam uniformes semelhantes aos dos funcionários do terminal de cargas

Fotos: Reprodução

Uma carga de celulares recém-lançados no Brasil, avaliada em um milhão de dólares (equivalente a R$ 3,4 milhões) foi roubada no Terminal de Cargas do Aeroporto Internacional Tom Jobim, na Ilha do Governador, na noite de domingo (15/04).

O roubo foi denunciado pelo diretor de segurança do Sindicato de Empresas de Transporte Rodoviário e Logística do Rio de Janeiro (Sindicarga), coronel Venâncio Moura, nesta quarta (18).

Os três criminosos entraram armados e renderam funcionários. Os bandidos chegaram em um caminhão, usando uniformes semelhantes aos dos funcionários do terminal de cargas.

Os funcionários foram ameaçados e trancados em uma sala, enquanto isso os bandidos levaram as caixas dos aparelhos. Eles também levaram TVs, câmeras e medicamentos. Através do rastreador dos aparelhos, o Sindicarga descobriu que os celulares foram levados para a favela Nova Holanda, no Complexo da Maré.

O consórcio RIOgaleão informou que está à disposição para apoiar as investigações dos sobre o assalto ocorrido no último domingo, 15 de março, no terminal de cargas das companhias aéreas nacionais. O caso segue em investigação na Delegacia de Roubos e Furtos de Cargas (DRFC).


Mais do SFn