Carro apreendido e suspeitos detidos horas após homicídio em São Fidélis Cartucho de mesmo calibre usado no crime e carro com as mesmas características foram apreendidos

Cartucho de mesmo calibre usado no crime e carro com as mesmas características foram apreendidos

Foto: SF Notícias

Três homens foram detidos por suspeita de envolvimento na morte de João Batista Barbosa de Barros, de 49 anos, ocorrida no final da tarde deste domingo (10/09) na RJ-234, em São Fidélis. A vítima estava em uma moto com a sua neta de dois anos e seu filho de 22 anos quando ocupantes de um carro, modelo Fiat de cor vinho, efetuaram disparos de espingarda calibre 12. Os suspeitos foram encontrados na mesma localidade onde o crime aconteceu.

E.O.S., 28 anos, J.M, de 55 anos, e F.D.R., de 37 anos, foram detidos após uma das vítimas ter passado as características de um dos ocupantes do automóvel. O veículo com as mesmas características do que foi usado no crime foi encontrado na casa de J.M. Dentro do carro os policiais encontraram uma munição de espingarda calibre 12, o mesmo modelo da arma usada pelos autores do homicídio.

Na delegacia, nenhum deles assumiu a propriedade do cartucho, sendo todos presos em flagrante por porte ilegal de arma de fogo, mas podem ser liberados mediante pagamento de fiança. A Polícia Civil aguarda que eles sejam reconhecidos por uma das vítimas para que possam ser autuados pelo crime de homicídio e tentativa de homicídio. Caso isso ocorra, eles serão transferidos para a Casa de Custódia de Campos.

Continua após a foto

O crime 

O crime aconteceu na localidade conhecida como Penedo, na altura do KM 10 da RJ-234, rodovia que liga Pureza, distrito de São Fidélis, a BR-356. Segundo informações da Polícia Civil, os três estavam em uma moto voltando de uma pescaria, rotina que fizeram nos últimos três dias. Em um determinado momento, A.B.B., de 22 naos, viu um veículo se aproximando e diminuiu a moto para dar passagem ao carro, modelo Fiat de cor vinho, mas nesse momento, os ocupantes do automóvel – havia quatro pessoas no carro – efetuaram um tiro de espingarda calibre 12.

O tiro atingiu João, passou raspando na cabeça da menina e atingiu as costas de A.B.B. Os três acabaram caindo em uma valeta ao lado da rodovia. A.B.B., mesmo baleado, pegou a filha e saiu correndo e conseguiu se esconder em um matagal.

Para ter certeza da morte, os ocupantes do carro desceram e foram até João, onde efetuaram um disparo na nunca da vítima. A.B.B foi socorrido pelo Corpo de Bombeiros e encaminhado para o Hospital Moacyr Gomes de Azevedo, em Cambuci, onde foi atendido e liberado.


Mais sobre este assunto

Mais do SFn