Cidades



Municípios do RJ vão receber R$ 10,027 bilhões em arrecadação de impostos em 2019 Deste total, R$ 9,03 bilhões serão referentes ao ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços), R$ 736,3 milhões serão de Royalties, R$ 246,8 milhões de IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) e R$ 9 milhões serão relativos à Cide (Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico)

Deste total, R$ 9,03 bilhões serão referentes ao ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços), R$ 736,3 milhões serão de Royalties, R$ 246,8 milhões de IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) e R$ 9 milhões serão relativos à Cide (Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico)

Agora é Lei: todos os assentos de transportes intermunicipais passam a ser preferenciais no RJ Segundo a norma, o passageiro que não levantar para dar lugar a quem tem preferência poderá ser multado em aproximadamente R$ 50, enquanto as empresas de transporte pagarão por volta de R$ 340 se a norma for descumprida

Segundo a norma, o passageiro que não levantar para dar lugar a quem tem preferência poderá ser multado em aproximadamente R$ 50, enquanto as empresas de transporte pagarão por volta de R$ 340 se a norma for descumprida

Biometria passa a ser obrigatória em S.Fidélis na próxima segunda; Veja aqui se você precisa ou não fazer A partir de segunda (17) também terão início algumas mudanças e medidas determinadas pelo juiz da 35ª Zona Eleitoral da cidade, pelo Cartório e em parceria com a Câmara Municipal e Prefeitura

A partir de segunda (17) também terão início algumas mudanças e medidas determinadas pelo juiz da 35ª Zona Eleitoral da cidade, pelo Cartório e em parceria com a Câmara Municipal e Prefeitura

Internos colocam fogo em colchões em unidade do Degase na RJ-158 Motim foi para pedir o cumprimento da decisão do STF, de transferir internos para unidades vazias ou liberar internos devido à superlotação. No estado do RJ praticamente todas unidades estão superlotadas. Com isso, cerca de 400 internos devem ser liberados.

Motim foi para pedir o cumprimento da decisão do STF, de transferir internos para unidades vazias ou liberar internos devido à superlotação. No estado do RJ praticamente todas unidades estão superlotadas. Com isso, cerca de 400 internos devem ser liberados.

Eleitores de S.Fidélis terão até 01 de dezembro para fazer o cadastramento biométrico obrigatório Quem não fizer terá o título cancelado. Algumas biometrias foram importadas do Detran e validadas na urna na eleição presidencial. Veja aqui se você precisa ou não fazer o cadastramento

Quem não fizer terá o título cancelado. Algumas biometrias foram importadas do Detran e validadas na urna na eleição presidencial. Veja aqui se você precisa ou não fazer o cadastramento

Greve geral: Bancários da região vão parar no dia 14 Em assembleia do sindicato que representa a categoria em Campos, Italva, Cardoso Moreira, São Fidélis, Aperibé e Itaocara, bancários decidiram pela participação na greve geral e paralisação das agências no dia 14

Em assembleia do sindicato que representa a categoria em Campos, Italva, Cardoso Moreira, São Fidélis, Aperibé e Itaocara, bancários decidiram pela participação na greve geral e paralisação das agências no dia 14

Estado do Rio está sem inseticida para combater dengue, chikungunya e zika Segundo levantamento da SES, entre janeiro e quatro de junho deste ano, já houve 41.888 casos de chikungunya, 20.622 casos de dengue e 1.005 pessoas infectadas por Zika. Ao todo, 13 pessoas morreram, todas ocasionadas por chikungunya

Segundo levantamento da SES, entre janeiro e quatro de junho deste ano, já houve 41.888 casos de chikungunya, 20.622 casos de dengue e 1.005 pessoas infectadas por Zika. Ao todo, 13 pessoas morreram, todas ocasionadas por chikungunya

Devido à superlotação, cerca de 400 menores infratores devem ser soltos no RJ Liberação ocorrerá para atender a uma determinação do ministro Fachin do STF. Os infratores que serão liberados são aqueles que praticaram atos considerados menos graves, como furto, receptação e tráfico sem uso de armas

Liberação ocorrerá para atender a uma determinação do ministro Fachin do STF. Os infratores que serão liberados são aqueles que praticaram atos considerados menos graves, como furto, receptação e tráfico sem uso de armas