segunda-feira , 27 janeiro 2020

Chuva forte provoca alagamentos, enxurradas e deslizamento de terra em Miracema Secretaria de Saúde não funcionará nesta manhã, pois a unidade foi invadida pela água; cidade está em estado de observação, pois há previsão de mais chuva

Secretaria de Saúde não funcionará nesta manhã, pois a unidade foi invadida pela água; cidade está em estado de observação, pois há previsão de mais chuva

Fotos: Reprodução Redes Sociais

Grandes áreas de instabilidade avançaram pelas regiões Norte e Noroeste do Rio na noite desta quarta-feira (11/12). Em várias cidades choveu um grande volume em pouco tempo, provocando diversos transtornos. Foi o caso de Miracema, que em apenas 10 minutos chegou a registrar 20,8 mm, no pluviômetro automático instalado na sede da Defesa Civil. Nas últimas 24h o volume de chuva registrado foi de 51 mm. O município, que chegou a decretar situação de emergência neste ano devido à estiagem, entrou em estado de observação na noite de ontem. Diversas ruas ficaram alagadas e em algumas, a força da água provocou enxurradas. Houve alagamentos na Avenida Carvalho, na Rua Julieta Damasceno, na Rua Melchíades Picanço, no Vale do Cedro, Rua Santo Antônio, entre outros pontos do município. (Continua após o vídeo)

A água chegou a invadir quintais e casas, conforme relatos de moradores nas redes sociais. Houve um deslizamento de terra em uma encosta na Rua Santos Dumont (foto ao lado), que atingiu o quintal de uma casa. A Defesa Civil informou que uma equipe esteve no local e que retornaria na manhã de hoje. O temporal também atingiu o distrito de Paraíso do Tobias, provocando alagamentos. A Defesa Civil chegou a pedir para que motoristas ficassem atentos devido ao acumulo de lama na RJ-200. O órgão também pede para que moradores próximos à talude de corte ou encosta natural fiquem atentos a qualquer sinal de anormalidade devido ao solo encharcado. “Caso percebam, saíam da casa imediatamente e avise a Defesa Civil. A previsão ainda é de chuva para quinta (31mm) e sexta (29mm)”. A Prefeitura informou que a Secretaria de Saúde não funcionará nesta manhã, pois a unidade foi invadida pela água. “Os funcionários já estão desde cedo procedendo a limpeza. A partir das 13 horas o atendimento será restabelecido” – diz a nota.

 

Mais do SFn