quinta-feira , 23 novembro 2017

Ciclistas de São Fidélis participam do “Desafio dos 200 km” e pedalam por mais de 10 horas "São Fidélis hoje é reconhecida por vários ciclistas. Há quem diga que é o Maracanã do Mountain Bike" - disse um dos participantes

"São Fidélis hoje é reconhecida por vários ciclistas. Há quem diga que é o Maracanã do Mountain Bike" - disse um dos participantes

Fotos: Arquivo Pessoal

Quatro ciclistas fidelenses participaram no último sábado (05/08) do Desafio dos 200 km de Mountain Bike. Foram 10 horas de pedalada, saindo de São Fidélis e passando por São Benedito, Recreio, Macapá, Cambiasca, Colônia, Pureza, Timbó, Barro Branco, São João do Paraíso, São Pedro, Italva, Cardoso Moreira, Santa Catarina e Casa Branca.

O evento é realizado no Brasil inteiro e este ano chegou a sua 3ª edição. Nesta, foram 638 inscritos, de 95 cidades e nove estados. O “Desafio dos 200” possui um moderador, o dono do grupo Guerreiros das Montanhas, que analisa as atividades dos inscritos através de um aplicativo no celular. 

Segundo Danilo Machado, um dos participantes, ele e os outros três fidelenses se uniram para fazer o desafio. “Cada um fez a sua inscrição e depois nos organizamos pra fazer o desafio juntos. Nós já participamos de vários eventos, mas esse dos 200 km foi a primeira vez” – disse em entrevista ao SF Notícias.

O atleta conta que o grupo não chegou a fazer nenhum treinamento específico, apenas continuou com a frequência de pedais, por volta de cinco vezes na semana. “A maior dificuldade, além da quilometragem, foi o tempo de pedal. Quanto à alimentação e hidratação, foi tranquilo porque passamos por algumas cidades e diversos vilarejos onde fazíamos o reabastecimento” – relatou.

Danilo afirma ainda que a cidade tem grande potencial para este estilo de pedalada: “São Fidélis hoje é reconhecida por vários ciclistas. Há quem diga que é o Maracanã do Mountain Bike. A altimetria da nossa região é privilegiada. Temos serras com mais de 1.000 m de altimetria. Mas também existem os percursos pra quem tá começando, com menos subidas. Tem trilhas de todo o tipo” – destacou.

 


Mais do SFn