quinta-feira , 20 julho 2017

Com 80 anos, seu Flor ainda é o “faz tudo” de São Fidélis: conheça um pouco de sua história

Quem passa pela Rua Antônio Xavier Maia, no bairro da Penha em São Fidélis, encontra a barbearia de Flor dos Santos Palagar, o seu Flor, conhecido como “faz tudo” da cidade, há 45 anos funcionando na rua. O estabelecimento é fácil de ser identificado, com diversos objetos na calçada e no interior, que são o material de trabalho do senhor de 80 anos.

Fotos: Matheus Berriel
Fotos: Matheus Berriel

Seu Flor, como é conhecido, diz que é nascido e criado na cidade e que vai vivendo e trabalhando nela, até seu último dia. “Sair daqui pra quê?” afirmou entre risos e falou também que desde bem pequeno já trabalhava:
“Comecei a trabalhar com 2 anos e pouco. Papai era muito rígido, me botou para trabalhar buscando água pra dentro de casa e levando cabrito para o pasto. Não aguentava quase nem andar sozinho e tava segurando a corda da cabrita morro a baixo” lembrou sorrindo.

Mas, o primeiro trabalho assalariado foi na roça com enxada e foice, quando já estava rapaz. “Eu aprendi a trabalhar nessas coisas e trabalhei até casar. Depois que eu me casei, ainda morei na roça uns três anos. Vim embora pra cidade e aqui que eu comecei a criar família e trabalhar de barbeiro e continuei trabalhando como funileiro e mais outras coisas ai. Essas coisas todas eu fui aprendendo, vou pegando e vou fazendo acaba que hoje estou precisando colocar gente para me ajudar”.  Ele conta que só estudou até a primeira série e que aprendeu sozinho tudo que faz.IMG-20160523-WA0044

Atualmente são mais de 4 funcionários que durante a entrevista brincam ao falar do patrão: “Esse ai fundou o bairro da Penha”.  Outro diz: “Até nessas roças todinhas, em volta, conhecem ele, vem aqui trazer coisas pra ele.”

Entre os objetos que ele conserta estão máquina de costura, ventilador, liquidificador, batedeira e secador de cabelo, além de amolar tesouras, alicates e fazer cortes e barbas. “Não faço muita fartura, mas pra viver a gente vai fazendo e ainda ajudo meus filhos a criar os filhos deles” afirmou. Sobre seu casamento, que já fez Bodas de Ouro ele conta: “To casado até hoje, junto com a minha velinha há 56 anos, tenho um casal de filho e to com 5 ou 6 netos, bisnetos”. IMG-20160523-WA0041

Os filhos seguiram seu próprio caminho. Já Marcio Roberto Palagar Gomes, de 40 anos,  sobrinho de Seu Flor, aprende as habilidades do tio desde os 12 anos. Marcio é o funcionário mais antigo e atualmente só trabalha com Seu Flor. Ele afirma que pretende dar continuidade ao trabalho e ensinar mais pessoas. Sobre Seu Flor ele diz: “Um grande pai mesmo, com certeza.”

Seu flor  se emociona ao lembrar que sua barbearia já foi visitada por uma emissora televisiva. Entre lágrimas ele diz que recebe com muita alegria o carinho dos clientes. “Os antigos vão me largando, os novos vêm chegando. Nós vamos fazendo um negócio e botar o trocado no buraco do pano.”



Mais do SFn

SFn