terça-feira , 23 outubro 2018

Com mais de 6.700 assassinatos, Rio bate recorde de homicídios em oito anos Foram 40 mortes violentas para cada 100 mil habitantes em 2017

Foram 40 mortes violentas para cada 100 mil habitantes em 2017

Fotos: Italva em Foco (capa) | SF Notícias

O Estado do Rio bateu um recorde negativo no ano de 2017. Segundo dados do Instituto de Segurança Pública, foram 40 mortes violentas para cada 100 mil habitantes.

Ao todo, 6.731 pessoas foram assassinadas no ano passado, superando em 7,4% os 6.262 casos de 2016. A última vez em que a taxa por 100 mil habitantes foi superior a 40 foi em 2009, quando 7.106 pessoas foram mortas.

A taxa é calculada através da soma de homicídios dolosos, mortes decorrentes de intervenção policial (autos de resistência), latrocínios (roubo seguido de morte) e lesão corporal seguida de morte.

De acordo com o ISP, os homicídios dolosos subiram 5,7%, de 5.042 em 2016 para 5.332 em 2017. Houve aumento de 21,5% em um ano dos autos de resistência, que foram os responsáveis por elevar o indicador de homicídios.

Foram ainda registrados 239 casos de latrocínio e 38 lesões corporais seguidas de morte. O número de roubos de veículos também subiu, chegando a 54.367. Houve queda de 8,3% nos roubos de rua e alta de 10,3% em roubos de todos os tipos.


Mais do SFn