segunda-feira , 27 janeiro 2020

Com presentes e vestido de Papai Noel, policial militar leva a magia do Natal para crianças de creche em Pádua Há pelo menos dois anos, o subtenente Clézio Mendonça da Silva faz uma ação voluntária em outra creche da cidade, onde entrega presentes e lanches para as crianças

Há pelo menos dois anos, o subtenente Clézio Mendonça da Silva faz uma ação voluntária em outra creche da cidade, onde entrega presentes e lanches para as crianças

Fotos: divulgação PM

Aproximadamente 60 crianças de uma creche pública de Santo Antônio de Pádua, no Noroeste Fluminense, tiveram um dia especial. Vestido de Papai Noel, um subtenente da Polícia Militar levou alegria, amor, esperança e a magia do Natal para meninos e meninas de uma creche no bairro Dezessete. Muitas delas ganharam o que pode ter sido o único presente de Natal este ano. Foi na manhã desta quarta-feira, dia 11, que o subtenente Clézio Mendonça da Silva saiu da sede do 36º BPM em direção as ruas. Ao invés de farda, ele vestia a roupa do Papai Noel. O destino da viatura era a Creche Escola Arco-Íris. Por lá, a criançada aguardava ansiosa pela chegada do bom velhinho. As crianças ganharam bolas, carrinhos, bonecas, bonecos, jogos de panelinhas e outros brinquedos. Usando uma cadeira escolar comum como trono, o subtenente entregou os presentes a cada uma das crianças.

Segundo Clézio, os presentes foram arrecadados em uma campanha entre os policiais militares do 36º BPM e com ajuda de alguns comerciantes. Há pelo menos dois anos Clézio já fazia uma ação voluntária em uma creche no bairro Mirante. “Uma policial da P5, a Coutinho, me chamou e perguntou se eu não iria lá com ela entregar os presentes, e eu me prontifiquei. É aquela receita que deu certo, que não tem como dar errado. A pessoa que vai a primeira vez, não tem como falar que não retornaria pra ver a felicidade de uma criança, principalmente aquelas mais carentes de amor e de carinho. A gente sabe que perto de Deus Papai Noel não existe, mas naquele momento, Papai Noel é o deus dessa criança; pra ela é tudo!”, disse o subtenente ao SF Notícias.

Em outra creche
Esse será o terceiro ano da ação promovida por ele na creche do bairro Mirante. Com ajuda de colegas e outros colaboradores, ele entrega cerca de 70 presentes para as crianças da unidade. O evento conta ainda com cachorro-quente, refrigerantes, saquinhos surpresa e claro, a felicidade em poder ver o sorriso no rosto das crianças. “São 70 crianças, mas tem aquelas que pedem pra levar pro irmão que está em casa, aí o Papai Noel não tem como negar”, contou ele.

Mais do SFn