Comércio registra queda nas vendas de Natal

pib[1]

Os comerciantes não estão satisfeitos com as vendas de Natal. Embora as lojas e as ruas das cidades brasileiras tenham ficado cheias, o comercio varejista não lucrou como se esperava para uma data onde as vendas são aquecidas.

Segundo uma pesquisa feita pela Serasa Experian, as vendas de Natal desse ano, foi a mais fraca dos últimos onze anos em todo o Brasil, mas teve um crescimento se comparado com o ano anterior. Entre os dias 18 e 24 de dezembro, vendas para o Natal cresceram cerca de 2,7%. No geral, esse foi o resultado mais fraco desde o Natal de 2003, quando começou a ser realizado o levantamento

uyduiefgjoJá no final de semana que antecedeu o Natal (20 a 22 de dezembro), por sua vez, as vendas subiram 2,1%, ante o final de semana correspondente do ano passado. (21 a 23 de dezembro).

Em São Fidélis, essa situação não foi diferente. Segundo o assessor da diretoria da  Associação Comercial e Industrial de São Fidélis (ACIASF) Geraldo Mangela Ferreira, o comércio ficou uma grande movimentação, mas as vendas tiveram um resultado abaixo do que se era esperado.


Mais do SFn

SFn