segunda-feira , 16 janeiro 2017

De folga, policial militar é assassinado com tiro nas costas em Campos

wertyutyuiyuo
Fotos: divulgação

A violência cresce a cada dia em Campos, maior cidade do interior do estado do Rio de Janeiro. Todos os dias são registrados novos homicídios, o que não foi diferente nesta quarta-feira.

A vítima da impunidade dessa vez foi um policial militar, que foi morto após ser baleado no Parque Bandeirantes, no distrito de Guarus. O autor do crime já teria diversas passagens por outros crimes, mas graças a justiça, estava solto.

Segundo informações do 8º BPM, o Soldado Fernando Henrich Ribeiro Escodino Machado, de 28 anos, seguia em sua moto em direção a uma oficina mecânica, e foi atingido por um disparo nas costas quando passava pela Rua Atanagildo de Freitas. O crime aconteceu por volta das 18h30. Escodino estava na companhia de outro policial, identificado como Sérgio Vinícius Batista de Souza, de 37 anos, que conduzia um carro.

Sérgio, que também é soldado, chegou a trocar tiros com os suspeitos, mas eles conseguiram fugir. Escodino chegou a ser socorrido e levado para o Hospital Ferreira Machado pelo Sérgio, mas não resistiu e morreu ao dar entrada na unidade. Ele foi atingido no lado direito da região lombar.

asdfghfjgk
moto do policial

Resposta da polícia

Várias viaturas foram deslocadas para o bairro, e cinco suspeitos – sendo dois adultos e três adolescentes – foram presos, entre eles, um identificado até o momento apenas como “Denis”, que seria o autor dos disparos. Ainda de acordo com o 8º BPM, no momento em que as viaturas chegaram no bairro, os PMs encontraram dois homens tentando retirar a moto do policial morto do local. Eles foram perseguidos e detidos.

Muitos policiais foram para a porta do hospital e da delegacia.

SFn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *