TREM PÁDUA 7

Desativação: vagões estão abandonados em Santo Antônio de Pádua

trem 34
Fotos: Vinnicius Cremonez

Hoje o SF Notícias volta a falar sobre o possível fechamento da linha férrea em nossa região. Na primeira matéria sobre o assunto, mostramos quais seriam os trechos desativados pela Ferrovia Centro Atlântica (FCA).

TREM PÁDUA 1Linha férrea pode ser desativada no Norte e Noroeste Fluminense

No dia 5 de agosto desse ano, foi publicada no Diário Oficial da União, a Resolução nº 4.131, de 3 de julho de 2013, que autoriza a desativação e devolução dos trechos considerados anti-econômicos pela concessionária, que TREM PÁDUA 8adiministrava eles desde 1996. A autorização foi dada pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

Para devolver os trechos, a Ferrovia Centro Atlântica deve pagar ao Governo Federal, cerca de R$ 870 milhões (R$ 760 milhões acrescidos de 15 % a título de vantajosidade para o trem 40setor público). O valor é o estimado para recuperar os trechos. O dinheiro, porém, não será aplicado pelo Ministério dos Transportes nas ferrovias devolvidas e, sim, na parte que continuará sendo administrada pela FCA.

O paduano Luis Felipe Barbosa Ribeiro, que é apaixonado por trens desde criança, teme o fechamento do trecho, que é importante para o crescimento e economia da região.

“Eu fui criando aqui. Morava aqui perto e todos os dias eu acompanha a movimentação na estação. Teve um dia que meu pai brigou comigo, pois estava no meio da linha quando os maquinistas fazim a manobra com a composição”.

Na estação de Santo Antônio de Pádua encontramos quatro vagões que estão abandonados há anos. Todos estão enferrujados e sendo destruídos pela ação do homem. O local também está sendo usado para uso de drogas e para práticas de sexo.

A estação de São Fidélis virou residência de desabrigados. Ainda em São Fidélis, encontramos uma estrutura que era de uma ponte na Vila dos Coroados, e que precisou ser trocada após uma enchente. Também encontramos diversos outros materiais abandonados.

Enquanto nada se resolve, locomotivas e vagões estão sendo retirados da sede da empresa que já foi desativada em Recreio, Minas Gerais, e levados para a sede em Campos. Segundo os funcionários da empresa que conversaram com nossa equipe, alguns dos vagões e das locomotivas serão ‘aposentados’ em Campos, e outros, serão levados para Bahia.

 

[gmedia id=5]

 

SFn