segunda-feira , 20 novembro 2017

Devido à seca no Rio Pomba, aulas são suspensas em 24 escolas e mais de 3 mil alunos ficam sem estudar em Pádua As aulas serão repostas com uma adequação no calendário escolar

As aulas serão repostas com uma adequação no calendário escolar

Fotos: Mauro Teixeira / Felipe Ribeiro / Fábio Paz

Cerca de 3.500 alunos estão sem aula devido a seca que atinge o Rio Pomba em Santo Antônio de Pádua. As aulas foram suspensas em 24 escolas da rede municipal – no município e nos distritos de Monte Alegre, Santa Cruz e Marangatu – nesta quinta e sexta-feira (28 e 29/09). Segundo a Secretaria Municipal de Educação e Cultura, as aulas serão repostas com uma adequação no calendário escolar, devidamente elaborada pela Coordenação Pedagógica,  para que não haja prejuízo na qualidade do aprendizado dos alunos.

Ainda de acordo com a secretaria, as aulas serão retomadas na próxima segunda-feira (02/10) em todas as unidades. O abastecimento de água em Pádua foi suspenso pela concessionária Águas de Santo Antônio após o nível do Rio Pomba ter atingido um nível crítico e ficar abaixo no nível das bombas onde a água é captada.

“Sabemos que a água é algo precioso, por isso, é extremamente necessário evitarmos o desperdício. Medidas simples de contenção de gastos podem fazer a grande diferença. Estamos trabalhando, desde as primeiras horas do dia, para abrir um novo ponto de capitação para as bombas, somente assim teremos como auxiliar os produtores e também nossa Estação de Piscicultura”, disse o diretor administrativo da empresa José Eduardo Lucas da Costa.

O Rio Pomba atingiu o nível tão crítico em Pádua, que os sensores de medição do Inea não estão marcando o nível da água. Ontem o rio chegou aos 80 centímetros, muito abaixo das bombas de captação e das réguas de medição.

“Está um esqueleto. Você consegue atravessar o rio andando”, disse o ex-secretário de Defesa Civil e atual secretário de segurança pública, Fábio Paz.

Os moradores devem economizar água nas próximas horas, mas algumas casas já estão sem água. O leitor Felipe Ribeiro mora ao lado do Rio Pomba, mas na casa dele, já não tem água.

Pádua é a quinta cidade a ter o seu abastecimento reduzido ou cortado no interior do estado devido à estiagem. Ontem a CEDAE também reduziu o abastecimento em Cantagalo, Cordeiro, Duas Barras (devido ao baixo nível do Rio Macuquinho) e Miracema (devido ao baixo nível do Rio Pomba).


Mais do SFn