sábado , 10 dezembro 2016
policia militar delegacia

Dois baleados durante tentativa de homicídio na zona rural de São Fidélis

delegacia policia gat
Fotos: SFnotícias

Dois homens foram baleados durante o fim da tarde desta quinta-feira(26/02) na zona rural de São Fidélis. De acordo com informações da 4º Companhia de Polícia Militar, o caso aconteceu na localidade conhecida como Poço Parado, no Parque Estadual do Desengano.

As vítimas foram socorridas por populares e por uma ambulância do Corpo de Bombeiros, sendo encaminhadas para o Hospital Armando Vidal. Entre as vítimas está Leandro da Veiga Gonçalves, de 21 anos, que foi transferido para o Ferreira Machado em Campos, onde foi operado. Ele foi atingido por estilhaços de tiro no abdômen, peito e no pescoço, mas não corre risco de morte.

Já a segunda vítima, identificada como Almir Coimbra Gonçalves, foi atingida de raspão na mão. Ele foi liberado após ser atendido. O autor dos disparos é um adolescente identificado pelas iniciais  M.L.A., de 16 anos. Ele usou uma espingarda e fugiu após o crime. Ele também é acusado de um homicídio em Campos.

Ainda segundo a PM, tudo começou quando o adolescente foi tirar satisfação com Almir. Leandro teria tentado intervir, e acabou sendo baleado. A tentativa de homicídio foi registrada e está sendo investigada pela 141ª Delegacia Legal de São Fidélis.

Homicídio em Campos: 

qwertyuiuyoui
Foto: Ururau

Em outubro do ano passado, o menor atropelou e matou um motociclista identificado como Marquele dos Santos Silva, de 42 anos. O caso aconteceu na estrada que liga Coqueiro de Tocos ao Carvão. O adolescente conduzia uma máquina quando atingiu o motociclista que trabalhava na concessionária Águas do Paraíba. Ele ainda escondeu o corpo da vítima em uma vala.

O corpo só foi encontrado dias depois, e os PMs tiveram que cavar a vala para retirar o cadáver. Para a polícia, o menor contou que estava realizando serviços para o pai na retroescavadeira quando teria atropelado Marquele, e que ao perceber que a vítima estava sem vida, ele usou a própria máquina para jogar o corpo na vala e depois enterrar. Ainda com a retro, o menor levou a motocicleta até a propriedade do pai e depois fugiu com os documentos e cartões de crédito da vítima. A PM revelou ainda que o pai do adolescente não sabia do crime.

SFn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *