Eleitores que faltaram às três últimas eleições devem regularizar situação até 2 de maio Quem não regularizar a situação não poderá obter passaporte, ser empossado em cargo público e fica impedido de votar

Quem não regularizar a situação não poderá obter passaporte, ser empossado em cargo público e fica impedido de votar

Fotos: SF Notícias

Quem não votou e não justificou a ausência nas três últimas eleições pode ter o título cancelado. Para regularizar a situação, os faltosos devem comparecer até o dia 2 de maio, ao cartório eleitoral, portando documento oficial com foto. Cada turno é considerado uma eleição. Se o eleitor precisar apenas regularizar sua situação eleitoral, não é necessário agendar o atendimento.

Caso necessite realizar outras operações, como transferência ou mudança de nome, deve fazer o agendamento pelo site http://www.tre-rj.jus.br/agendamento/ ou pela Central de Atendimento Telefônico (21) 3436-9000, de segunda a sexta, das 11h às 19h.

Além de ficar impedido de votar, quem não regularizar a situação não poderá obter passaporte, ser empossado em cargo público ou renovar matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo. A irregularidade também pode gerar dificuldades para obter empréstimos em bancos oficiais e participar de concorrência pública ou administrativa.

Mais do SFn