terça-feira , 21 novembro 2017

Equipes ainda tentam capturar macaco após novo ataque em Cordeiro Desta vez uma mulher foi atacada pelo animal

Desta vez uma mulher foi atacada pelo animal

Fotos: Rodrigo Tavares/ SF Notícias

Equipes do Instituto Estadual do Ambiente (Inea) e do Parque Estadual do Desengano, da 5ª Unidade de Polícia Ambiental, ainda tentam capturar nesta quinta-feira (05/01) o macaco da raça Bugio, após um novo ataque ter sido registrado em Cordeiro.

Desta vez, uma mulher ficou ferida após ter sido atacada pelo animal nesta terça-feira (03/01). Ela estava com a irmã e uma sobrinha que conseguiram fugir. O macaco teria subido em suas costas, mas a mulher conseguiu se livrar dele.

Após o ataque, as equipes retomaram a tentativa de capturar o macaco. Segundo informações repassadas pelo diretor do Grupo de Escoteiros Sempre Alerta da cidade, Rodrigo de Sá Tavares, as atividades com as crianças na sede, que fica próxima a mata, precisaram ser canceladas.

As equipes orientam para que a população evite caminhar ou passear pelo local durante a tentativa de captura. O macaco teria se perdido do bando que vive na área de preservação ambiental do bairro Posto Zootécnico. Desde a manhã de hoje, eles tentam atingir o animal com dardos tranquilizantes.

Veja também:

Após ataques em Cordeiro, MP determina que macaco seja capturado em 48h

Equipes tentam capturar macaco que atacou crianças em Cordeiro

Mais uma criança é atacada por macaco em Cordeiro

Criança fica ferida após ser atacada por macaco em Cordeiro

 


Mais do SFn