domingo , 11 dezembro 2016
POLICIA CIVIL HOMICIDIOS OPERAÇÃO

Ex-chefe de gabinete da Prefeitura de Pádua, PM é assassinado na Baixada Fluminense

Fotos: Reprodução | Com informações da jornalista Roberta Trindade.
Fotos: Reprodução | Com informações da jornalista Roberta Trindade.

O Polícia Militar e ex-chefe de gabinete da Prefeitura de Santo Antônio de Pádua foi assassinado a tiros na madrugada desta segunda-feira (18/07) em São João do Meriti, na Baixada Fluminense.

O major Max Alexandre Geraldo de Sousa, de 45 anos, foi baleado por traficantes na Rua José Carlos Vieira, no bairro Jardim Paraíso, nas proximidades da Favela do Dique.

Max estava em um Hyundai Santa Fé quando foi atingido por um tiro. O major saiu do carro e tentou fugir correndo, mas foi baleado outras quatro vezes. O próprio PM acionou o 29º Batalhão de Polícia Militar. Ele foi socorrido pelos policiais para um posto de assistência médica, onde morreu enquanto aguardava transferência para outra unidade de saúde.

O local do crime foi periciado por agentes da Divisão de Homicídios da Baixada Fluminense, que encontraram estojos de fuzil de calibre 5,56. Max chefiou o gabinete da Prefeitura de Pádua no início do mandato do atual prefeito, Josias Quintal.

SFn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *