Ex-integrantes da banda Arsenal, sucesso nos anos 80, vão se reunir para show em São Fidélis Criada em São Fidélis, a banda atraía grande público nos famosos bailes, tocando os sucessos da época na região e em estados vizinhos

Criada em São Fidélis, a banda atraía grande público nos famosos bailes, tocando os sucessos da época na região e em estados vizinhos

Em fevereiro desse ano, o SF Notícias publicou uma reportagem contando um pouco da história da banda Arsenal, criada em São Fidélis nos anos 80, que fazia grande sucesso nos bailes da região e até em estados vizinhos. No site e em nossa página no Facebook, dezenas de leitores relembraram os bons tempos, elogiando a banda e pedindo a volta da mesma. Naquele mês, o músico Welton Cozendey, ex-guitarrista da Arsenal, afirmou que um reencontro estava sendo planejado. “A gente tá começando a amadurecer a ideia. Se conseguirmos, vai ser legal tanto pra gente quanto para aqueles que nos acompanharam, que vão estar ali relembrando, curtindo” – disse na entrevista. E quem sonha em reviver aqueles “anos dourados” pode comemorar. Os integrantes da formação original da banda vão se reunir para uma apresentação histórica no próximo sábado (14/12). (Continua após o vídeo)


Anualmente, Welton promove uma apresentação dos alunos de sua escola de música. Para este ano ele teve a ideia de fazer com o tema anos 80, com os alunos tocando músicas da época e para finalizar, o reencontro da Arsenal. O evento acontecerá a partir das 20h de sábado, no salão nobre do Colégio Estadual de São Fidélis, no Centro. Os ingressos são limitados e estão sendo vendidos no instituto musical de Welton, na Rua Dr. José Francisco, nº 156, no Centro. Também haverá sorteio de brindes para alunos e público. A Arsenal começou com seis integrantes, Welton Conzendey na guitarra, João Roberto na outra guitarra, Adriano Rifan, outro guitarrista, que mais tarde passou a ser tecladista, Marcos Antônio Sidô, o Pogó, como vocalista, Miltoerley Ribeiro como baixista e Fidélis Pecly na bateria. A primeira apresentação foi em praça pública, em Cambuci, um show rápido como relembra Welton. Já o primeiro baile foi no Clube Esportivo Fidelense. “Para nossa surpresa lotamos o clube. Eu lembro que a gente nunca tinha visto tanto dinheiro. Aquilo a gente usou pra comprar equipamento”. Tempo depois o tecladista e o vocalista compraram um ônibus e passaram a alugar para o grupo. Reveja a matéria completa AQUI.

 

Mais do SFn