segunda-feira , 25 setembro 2017

Exame de primeiro caso de suspeita de ebola no Brasil dá negativo

Fotos: Rodrigo Cesar SF Notícias | Pedro Teixeira Agência o Globo
Fotos: Rodrigo Cesar SF Notícias | Pedro Teixeira Agência o Globo

Através de nota, o Ministério da Saúde informa que o exame para diagnóstico etiológico do paciente suspeito de infecção pelo vírus ebola teve resultado negativo. A confirmação, contudo, só deve ocorrer após a realização de um segundo exame, que será coletado 48 horas após a primeira amostra. O estado de saúde de Souleymane Bah, missionário da Guiné de 47 anos, é bom, sem febre. Ele continua em isolamento total no Instituto Nacional de Infectologia Evandro Chagas, no Rio de Janeiro (RJ). Se o caso também for descartado como ebola no segundo exame, o paciente sairá do isolamento e o sistema de vigilância dos contactantes será desmontado.

Por apresentar febre e ter vindo de um dos países com casos da doença, o ocorrido foi classificado como suspeito na última quinta-feira, na Unidade de Pronto Atendimento Brasília, em Cascavel (PR). Todas as medidas de biossegurança foram adotadas pelas autoridades para isolamento do paciente e investigação de todas as pessoas que tiveram contatos com ele, a fim de interromper uma possível cadeia de transmissão do vírus. Os 64 possíveis contactantes, com o resultado negativo, deixam de ser acompanhados.

O Ministério da Saúde esclarece que adotou todos os procedimentos necessários para a interrupção de uma possível cadeia de transmissão do vírus. E adotou também todos os procedimentos previstos no Regulamento Sanitário Internacional.


Mais do SFn

SFn