sexta-feira , 2 dezembro 2016
3

Fidelense dá aula de slack fitness para ex-BBB e destaca-se na criação de novos métodos de treinamento funcional

6
Fotos: Matheus Berriel

Um fidelense tem chamado a atenção por meio de seu trabalho inovador no cenário esportivo e de fitness. Zé Sodré, formado em educação física há oito anos, sempre teve ligação com o esporte, e decidiu usar dele seu modo de vida, unindo o útil ao agradável. Em conversa com o SF Notícias, o profissional contou um pouco sobre seu trabalho e a forma que usou o slackline (esporte de equilíbrio sobre uma fita elástica esticada entre dois pontos fixos) para formular novos métodos de treinamento.

– Na minha infância, eu tive vivências em várias modalidades e, depois que me formei, decidi seguir por uma área que me desse a possibilidade de melhorar nessas modalidades que eu já conhecia. Uma delas é o futevôlei. Comecei a trabalhar no futevêlei, conheci o treinamento funcional e comecei a desenvolvê-lo para as modalidades que eu já tinha vivência. Há quatro anos atrás, depois de trabalhar com futebol, em Portugal, voltei para cá e conheci o slackline. Decidi desenvolver, misturar o treinamento tradicional com o slackline, que achei bem interessante. Quando consegui fazer isso, consegui contato com uma das maiores marcas de futevôlei do mundo, e eles me convidaram para apresentar o trabalho no Rio de Janeiro. Fui, apresentei o trabalho, eles gostaram e comecei a trabalhar lá, no Recreio, no helf point, desenvolvendo um trabalho chamado slack fitness. – contou Zé.

4O slack fitness é uma técnica criada e registrada por Zé Sodré, baseado em pesquisas sobre as possibilidades de movimentos do corpo. O método tem o objetivo de unir equilíbrio e força no treinamento, usando a fita do slackline e alguns itens de peso, com exercícios sobre a fita e também fora dela. Uma das pessoas que se interessou pelo método criado pelo fidelense foi a ex-BBB Adriana Sant’anna, que fez aulas com o profissional.

– Com o slack fitness eu comecei a me destacar. Foi onde a Adriana decidiu me procurar. Fiz umas matérias, entrevistas para jornal, telejornal, e aí voltei para São Fidélis. Minha família estava aqui, aconteceram alguns problemas pessoas e decidi voltar. Para reestruturar o trabalho, logo assim que cheguei aqui já desenvolvi um outro projeto, chamado ‘Quatro Elementos’, que estamos desenvolvendo agora e está sendo bem aceito na cidade. A ideia é espalhar isso para o Brasil inteiro. – disse Zé Sodré.

Uma das aulas feitas por Adriana foi divulgada em seu canal do youtube, ‘Truques da Adriana‘, que mostra um pouco da rotina da ex-BBB. O vídeo já conta com mais de 104 mil acessos, o que ajudou a divulgar ainda mais o slack fitness, que passou a ser adotado por mais pessoas no Rio de Janeiro. Para Zé, a aula com a ex-BBB foi como o impulso que faltava para a divulgação do seu trabalho.

2– Ela é uma figura pública. O trabalho, por si só, é diferente. Eu precisava alavancar isso de uma maneira. Dei sorte de trabalhar no mesmo lugar que ela mora, que é no Recreio. Ela foi lá um dia, viu a aula, se interessou e foi lá faze. Foi bem legal. Na primeira aula, ela não conseguiu andar na fita. No slack fitness, o objetivo não é muito aprender a 1andar na fita. A gente usa o slackline como uma ferramenta de treino. Mas, logo na segunda aula, ela já pegou a batida do negócio, e foi muito legal. – relembrou Zé, que agora tem colaborado no treinamento de atletas fidelenses.

– Temos o o Tarzan, o Tita e o Tavinho, do futevôlei, que são garotos que eu vi começar no esporte e agora estão conhecidos nacionalmente. É muito gratificante participar disso, trabalhar com eles. Temos também o Edgard Damasceno, do Down Hill, que também treina conosco e está muito bem no esporte. Tenho muito orgulho de ser de São Fidélis. Nossa cidade é muito rica. Aqui ainda temos nomes como Roberta Menezes e Igor Palagar no jiu jitsu, Ivanilson, as meninas e outros atletas e do ciclismo, e por aí vai. É até ruim citar nomes para não esquecer de ninguém. É muita gente boa. E é importante fazer isso crescer, desenvolver esse potencial. – disse o professor de educação física, que deixou um recado para os pais fidelenses.

– Peço para que todos os pais procurem colocar os filhos em algum esporte, porque vai auxiliar muito na educação, na saúde, para formarmos uma sociedade melhor. É muito melhor investir no esporte, do que depois ter gastos maiores com problemas de saúde. Temos a parte do fitness, do corpo bonito, mas também a saúde, que é essencial. E, além disso, ainda podemos formar mais atletas que divulgam o nome da nossa cidade. Nós, professores de educação física, também temos que impulsionar isso. A sociedade civil não sabe a força que ela tem. Penso que devemos deixar o poder público com os deveres que dele, de cuidar da saúde, oferecer educação, mas também temos que fazer nossa parte. O povo tem que passar a olhar mais para os talentos locais, não só no esporte, mas também na música, na poesia e em outras áreas. Me orgulho de ser daqui. É uma cidade muito rica, com gente de potencial. – finalizou Zé Sodré.

5

SFn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *