Fidelense pode ser Ministro do governo de Jair Bolsonaro General, nascido em São Fidélis, é cotado para o Ministério da Infraestrutura

General, nascido em São Fidélis, é cotado para o Ministério da Infraestrutura

Escola leva o nome do pai do General

A cidade de São Fidélis pode ter um representante no Governo de Jair Bolsonaro a partir de 2019. O governo avalia o nome do General Joaquim Brandão Júnior para o Ministério da Infraestrutura.

Nascido em São Fidélis no ano de 1951, o Gen. Ex. Joaquim Maia Brandão Júnior, é filho de Joaquim Maia Brandão, que foi homenageado ao dar nome ao CIEP da cidade, no bairro Montese.

Brandão trabalha com o General Sérgio Etchegoyen, atual chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI) do governo Michel Temer. Brandão é ligado ao comandante das Forças Armadas, General Eduardo Villas-Boas.

O vice-presidente eleito, General Hamilton Mourão, confirmou ao nesta segunda-feira (26/11) que o General Joaquim Brandão é cotado para assumir o Ministério da Infraestrutura.

“É excelente, é cotado. É da turma do Villas-Boas”, disse o vice eleito.

Segundo o G1, o anúncio pode acontecer ainda nesta segunda-feira. Mourão disse ainda que outro nome está em discussão.

Gen. Ex. Joaquim Maia Brandão Júnior (currículo)

Nascido em São Fidélis/RJ no dia 13 de março de 1951.
Posto atual : General de Exército
CURSOS:
● Academia Militar das Agulhas Negras (AMAN) – Arma de Engenharia – Resende/RJ 1973.
● Escola de Aperfeiçoamento de Oficiais (EsAO) – Rio de Janeiro/RJ – 1983.
● Escola de Aplicação de Engenharia (EAG) – Angers/França – 1986.
● Escola de Comando e Estado-Maior do Exército (ECEME) – Rio de Janeiro/RJ – 1991.
● Colégio Interforças de Defesa (CID) – Paris/França – 199

Ao longo de sua carreira trabalhou em Quartéis nos seguintes locais:
● Porto União/SC, Santarém/PA, Resende/RJ, Rio de Janeiro/RJ, Petrópolis/RJ, Niterói/RJ, Boa Vista/RR, Tefé/AM, Brasília/DF.

PRINCIPAIS FUNÇÕES EXERCIDAS:
● Comandante de Pelotão, Comandante de Companhia , Membro de Estado-Maior de Batalhão de Engenharia de Combate e Batalhão de Engenharia de Construção e Instrutor da Academia da Academia Militar das Agulhas Negras.
● Chefe de Agência de Inteligência de Brigada de Infantaria Motorizada, Instrutor da Escola de Comando e Estado-Maior do Exército e Coordenador do Curso de Politíca Estratégia e Alta Administração do Exército, Comandante de Batalhão de Engenharia de Construção, Chefe da Divisão de Inteligência e Subchefe do Centro de Inteligência do Exército.
● Como oficial general: Comandante da 16ª Brigada de Infantaria de Selva, Chefe da 5ª Subchefia do Estado-Maior do Exército e Chefe do Centro de Inteligência do Exército, Vice-Chefe e Chefe do Departamento de Engenharia e Construção.


Mais do SFn