quinta-feira , 12 dezembro 2019
Fotos: SFnotícias

Fortes chuvas deixam cidades da Região Serrana em estado de atenção Instituto Nacional de Meteorologia manteve o alerta para chuvas intensas e ventos fortes

Instituto Nacional de Meteorologia manteve o alerta para chuvas intensas e ventos fortes

Rio no centro de Petrópolis Foto: Demétrio do Carmo

As cidades da Região Serrana estão em estado de atenção devido as fortes chuvas que caíram e que estão previstas para o Estado nesta quinta (15) e sexta (16).

Em Nova Friburgo, foram registrados alagamentos em diversos bairros, queda de barreiras e de árvores. A Defesa Civil da cidade emitiu um boletim do Inea em que o tempo continuará instável com previsão de pancadas de chuva em todo o estado, sendo ocasionalmente forte, principalmente à tarde e pela noite na Região Serrana.

Em Petrópolis, dezoito sirenes foram acionadas nesta quarta (14), nas áreas de risco do município. A população foi orientada a procurar casas de parentes e amigos. Houve registro de deslizamentos em vias públicas.

Em Teresópolis 70 pessoas foram obrigadas a sair de casa nesta quarta devido a chuva. Foram registrados deslizamentos de terra nos bairros Vale da Revolta, Meudon, Bom Retiro e Caleme, além de oito quedas de árvores e queda de muro no bairro São Pedro.

Foto: DuasBarras.com

O nível dos rios que cortam as cidades também preocupa. Em Duas Barras, o Rio Negro se elevou no Loteamento Castelo, alagando ruas. Parte de um parque infantil na Rua Nilton Monnerat foi engolida por uma cratera, devido a uma infiltração do aterro na margem do Rio Resende.

No distrito de Monnerat, os moradores ficaram assustados com a elevação repentina do Rio Macuquinho. Segundo o site DuasBarras.com, as águas chegaram a tocar uma das pontes da cidade. A água também invadiu quintais e residências de ribeirinhos, estragando móveis e outros pertences.

O Instituto Nacional de Meteorologia manteve o alerta emitido nesta quarta (14) para chuvas intensas e ventos fortes, mas o alerta passou de amarelo para laranja, com grau de severidade de perigo. Há possibilidade de chuva de até 100 mm por dia e ventos de até 99 km/h. A região permanece em alerta total para novos transbordamentos e risco de deslizamentos de terra. O norte fluminense também segue em alerta para enchentes e áreas alagadas.

Mais do SFn