Friburguense faz cinco no Vasco e foge do rebaixamento no Carioca

friburguense
Fotos: Globoesporte.com.

Nem o mais otimista torcedor do Friburguense poderia esperar uma vitória sobre o Vasco da forma que aconteceu. Em um jogo histórico no estádio Eduardo Guinle, na noite de domingo (05), pela penúltima rodada da Taça Guanabara, o tricolor de Friburgo fez cinco gols no Vasco, superou os três pênaltis marcados contra, teve goleiro herói, venceu com direito a chocolate de Páscoa e, de quebra, despachou qualquer risco de rebaixamento no Campeonato Carioca.

Favorito, o Vasco saiu na frente aos 21 minutos, com Gilberto, cobrando um pênalti bastante duvidoso. Porém, o Friburguense correu atrás do prejuízo, empatou aos 25, com Jorge Luiz, e virou pouco depois, aos 28, com um gol contra de Lucas. Aos 39, Serginho marcou o terceiro. Aos 42 minutos, em outro pênalti polêmico, Gilberto diminuiu para o Vasco, mas o Frizão fez mais um com Jorge Luiz, impedido, levando 4 x 2 para o intervalo.

Na volta para o segundo tempo, Lucas se redimiu e, de cabeça, descontou para o Vasco, com oito minutos, colocando fogo na partida. No entanto, com 31 minutos, Felipe jogou um balde de água fria nos vascaínos, marcando 5 x 3 para o time da casa. O Vasco ainda marcou seu quarto gol, aos 40, novamente com Lucas, e teve a chance do empate nos acréscimos, mas Marcos virou herói. No terceiro pênalti à favor do Vasco, o goleiro do Friburguense defendeu a cobrança de Gilberto, e garantiu o resultado positivo.

“É uma sensação diferente. A oportunidade que eu tinha era essa. Estudei as duas primeira bastidas do Gilberto, que é um excelente cobrador de pênaltis. Ele aproveitou o chão molhado, onde a bola corre muito e dificulta. Mas eu posso te jurar que não vi nada depois que peguei a bola. Essa defesa vai para todos os torcedores do Friburguense. Graças a Deus, tive essa oportunidade de pegar o pênalti. Essa vitória representa a força dessa turma, dessa galera que vem lutando no campeonato todo. É um grupo muito unido, não tem trairagem. Fomos coroados com a vitória.” disse Marcos, em êxtase após o jogo.

A vitória deixou o Friburguense no décimo lugar, com 13 pontos conquistados, não podendo mais ser ultrapassado pelos times que estão na zona da degola. Na última rodada, a equipe enfrentará Boavista, que ainda briga para não cair. A partida acontecerá às 22h de quarta-feira (08), no estádio Eucy Resende de Mendonça, em Saquarema.


Mais do SFn