quarta-feira , 22 novembro 2017

Funcionários do HAV fazem manifestação por salários atrasados Medida foi a única encontrada para que eles possam receber os salários atrasados

Medida foi a única encontrada para que eles possam receber os salários atrasados

Com cartazes e gritos pedindo pelos pagamentos em atraso, funcionários do Hospital Armando Vidal, em São Fidélis, realizam nesta terça-feira (18/04) mais uma mobilização em frente à unidade.

Na noite de ontem, foi realizada uma reunião entre a Prefeitura e alguns funcionários para tentar encontrar uma solução para o impasse, visto que a atual gestão do hospital alega que a Prefeitura precisa realizar um repasse para que parte dos salários possam ser quitados.

Os funcionários agora pedem que o conselho do hospital assine um Termo de Consenso, redigido pela Prefeitura à pedido dos mesmos. O documento pede a dissolução imediata da diretoria executiva por 24 meses, coexistindo apenas nesse período o Conselho Deliberativo e Fiscal.

Segundo o termo, durante este período, uma Equipe Profissional de Gestão (EPG), composta por cinco pessoas, será indicada pelo poder executivo municipal, para gerir a unidade junto à Prefeitura e cumprir metas rígidas para recuperar a situação financeira do HAV.

Através da implantação do termo, será possível redigir um acordo conciliatório de encerramento das demandas judiciais, como o novo Termo de Convênio e o pagamento dos salários atrasados na sexta-feira (21/04). Nossa equipe tentou conversar com a diretoria do HAV, mas a mesma estava em reunião.


Mais do SFn