Governador anuncia descentralização de R$ 23 milhões para municípios atingidos pelas cheias dos rios no Norte e Noroeste A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos recebeu solicitações para ajudar principalmente com água potável, cestas básicas e kits de limpeza. As maiores demandas chegam de Itaperuna, Laje do Muriaé, Porciúncula, Bom Jesus do Itabapoana, Cardoso Moreira, Miracema, Natividade, Santo Antônio de Pádua e São Francisco do Itabapoana

A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos recebeu solicitações para ajudar principalmente com água potável, cestas básicas e kits de limpeza. As maiores demandas chegam de Itaperuna, Laje do Muriaé, Porciúncula, Bom Jesus do Itabapoana, Cardoso Moreira, Miracema, Natividade, Santo Antônio de Pádua e São Francisco do Itabapoana

O governador Wilson Witzel sobrevoou, na tarde deste domingo (26/01,) os municípios do Norte e Noroeste do estado afetados pelo temporal neste fim de semana. Em Porciúncula, Witzel anunciou a descentralização de recursos para auxiliar as prefeituras e evitar novas enchentes. “São R$ 10 milhões para a Defesa Civil e R$ 10 milhões para a Secretaria de Desenvolvimento Social. Estamos aqui pra evitar que esse caos volte a acontecer novamente no ano que vem e trabalhar para que nós possamos atender, neste momento, as pessoas que estão precisando mais”, afirmou. (continua após a publicidade)

O governador disse, ainda, que vai descentralizar mais R$ 3 milhões para a Saúde do município de Porciúncula com o objetivo de evitar a proliferação de doenças depois das chuvas. “O estrago foi muito grande na região. Determinei ao secretário de Saúde, Edmar Santos, que destine mais R$ 3 milhões pra atender possíveis situações de doença posteriores às enchentes”, ressaltou. Porciúncula enfrenta a pior enchente da história. Cerca de 90% da cidade foi inundada e uma pessoa morreu (reveja AQUI). Edmar Santos afirmou que os recursos serão usados na compra de medicamentos e equipamentos. Depois das enchentes costumam aparecer epidemias, diarreias e leptospirose, pois as pessoas tiveram contato com água contaminada. Vamos aportar recursos para compra de medicamentos e materiais”, detalhou. (continua após a publicidade)

A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos (SEDSODH) está mobilizada desde a noite de sexta-feira (24/1) para apoiar os municípios das regiões Norte e Noroeste do Estado do Rio de Janeiro na assistência a moradores atingidos pelo forte temporal. O governador Wilson Witzel anunciou um reforço de R$ 10 milhões para a SEDSODH realizar a aquisição de cestas básicas, água mineral e colchonetes para atender as famílias desabrigadas e desalojadas. Mais R$ 13 milhões serão destinados às pastas da Defesa Civil e Saúde. Um levantamento sobre as necessidades de cada município começou a ser feito já durante todo o dia de sábado junto às prefeituras. Até o início da noite deste domingo, a SEDSODH recebeu solicitações para ajudar principalmente com água potável, cestas básicas e kits de limpeza. As maiores demandas chegam de Itaperuna, Laje do Muriaé e Porciúncula, que, juntas, estimam mais de 8 mil desalojados ou desabrigados. Houve ainda pedidos de Bom Jesus do Itabapoana, Cardoso Moreira, Miracema, Natividade, Santo Antônio de Pádua e São Francisco do Itabapoana.

Mais do SFn