sexta-feira , 9 dezembro 2016
SAM_0236

Greve do transporte: unidades escolares devem encaminhar “Ateste Físico”

transporte.
Fotos: Manuela Escala / Matheus Almeida

Nossas equipes de reportagens estão acompanhando desde do início a luta de proprietários de vans e ônibus, que fazem o transporte de estudantes da rede estadual que moram em localidades rurais para São Fidélis. A maioria deles estão sem receber desde o início do ano.

Agora, segundo a Secretaria de Estado de Educação, no final de cada mês, a direção das unidades escolares deve encaminhar à Diretoria Regional Norte Fluminense (responsável pelas escolas de abrangência do município de São Fidélis) um formulário chamado “Ateste Físico”, que comprova que o serviço de transporte foi prestado. Nele deve constar o quantitativo de dias trabalhados, os alunos transportados, a quilometragem percorrida e a identificação do prestador de serviço (nome, CNPJ, veículo e documentação do motorista).

transporte escolarAinda de acordo com  a Seeduc, cabe à Regional reunir os atestes físicos de todas as escolas de sua abrangência e entregá-los à Diretoria de Gestão Operacional, para que a Seeduc providencie o repasse da verba às escolas, que são responsáveis por realizar o pagamento.

Em relação ao pagamento, a secretaria disse que em virtude do atraso na entrega da documentação mensal necessária para o pagamento, alguns repasses não foram feitos no prazo previsto. A Seeduc esclarece que já está tomando as medidas cabíveis e que os pagamentos serão regularizados.

Estado não cumpre pagamento e motoristas paralisam transporte escolar em São Fidélis

Estudantes e professores fazem manifestação contra a paralisação do transporte escolar

SFn