segunda-feira , 5 dezembro 2016
sdfdrfghgjghj

Guarda Municipal é preso suspeito de matar esposa em Campos

wertyuuyiuyi
Fotos: Ururau

Um Guarda Municipal de Campos foi preso durante uma operação da Polícia Civil na manhã desta quarta-feira (25/03). A ação foi para cumprir mandados de busca e apreensão e prisão. Uenderson Mattos é um dos suspeitos de envolvimento na morte de sua esposa, a analista jurídica Patrícia Manhães Gonçalves Mattos, assassinada no dia 13 de abril na frente da sede do Grupamento Ambiental da Guarda Civil Municipal (GCM).

Na casa de Uenderson, os policiais também apreenderam vários telefones celulares, computadores e um cofre com joias, além de documentos e seis mil reais. Além dele, um jovem que é apontado como o responsável pelos disparos, também foi preso. Um segundo guarda, que possui oito passagens criminais, entre elas porte de arma e homicídios, já havia sido preso na semana passada. Ele usava tornozeleira eletrônica. A polícia suspeita que ele tenha envolvimento no crime, já que Uenderson negou ter qualquer relação de amizade com ele, mas a polícia encontrou registros de ligações telefônicas realizadas entre eles.

Segundo informações da polícia, Uenderon foi preso por causa de uma série de contradições apresentadas nas declarações dele, algumas mentirosas. O advogado dele também foi preso por coagir testemunhas. Quanto ao guarda preso na semana passada, existem indícios que o mesmo seja responsável pelo o controle do tráfico no Parque São Matheus, bairro por onde os responsáveis pela morte de patrícia fugiram.

Fonte: Ururau

ertyuiuoopo

SFn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *