segunda-feira , 24 junho 2019

Homem é brutalmente assassinado na frente do Fórum de São Fidélis Daniel, que é bastante conhecido por ter trabalhado em lanchonetes e pizzaria no Centro da cidade, foi atingido por vários golpes de barra de ferro

Daniel, que é bastante conhecido por ter trabalhado em lanchonetes e pizzaria no Centro da cidade, foi atingido por vários golpes de barra de ferro

Objeto usado no crime

Um homem identificado como Daniel Antunes Ferreira foi assassinado com golpes de barra de ferro na madrugada deste domingo (07/04) em frente ao Fórum Francisco Polycarpo, na Praça Teixeira Soares, no Centro de São Fidélis. Daniel, que é bastante conhecido por ter trabalhado em lanchonetes e pizzaria no Centro da cidade, não resistiu aos ferimentos e morreu no local, que fica atrás da Igreja Matriz e perto do hospital.

O autor do crime foi identificado e preso minutos depois. Segundo informações da Polícia Militar, Jorge Henrique Souza da Costa foi encontrado na Rua Osmar de Assis Maia, no Parque São José, próximo da casa do tio. Ele usou uma barra de ferro para matar Daniel. A barra de ferro era acoplada a uma lata de tinta preenchida com cimento, algo comum de se encontrar nas ruas de São Fidélis, que é usado por muitos para guardar vagas de estacionamento e até para interditar ruas.

Ainda de acordo com a PM, o suspeito teria uma possível deficiência mental e encontrava-se transtornado. Os policiais informaram que ele não esboçou nenhuma atitude agressiva ao ser parado, mas não atendeu as ordens da abordagem, e o tio dele precisou intermediar o contato. Ainda de acordo com os policiais, ele confirmou que teria matado Daniel.

O suspeito foi encaminhado para a 141ª Delegacia Legal de São Fidélis, mas o caso foi registrado na 134ª DP do Centro de Campos, que fica responsável pelos flagrantes no final de semana. Ele foi autuado por homicídio doloso, quando há intenção de matar.

Já o corpo de Daniel foi removido pelo rabecão do Corpo de Bombeiros após perícia. Na manhã deste domingo, um caminhão pipa da Prefeitura de São Fidélis foi usado para limpar o local onde o crime aconteceu.


Mais do SFn