terça-feira , 19 março 2019

Hospital Público de Macaé realiza segunda doação de órgãos neste ano O doador foi um jovem de 27 anos, que sofreu um acidente de moto e teve morte cerebral

O doador foi um jovem de 27 anos, que sofreu um acidente de moto e teve morte cerebral

Fotos: Divulgação/ João Barreto

O Hospital Público Municipal (HPM) de Macaé, realizou na semana passada, a segunda captação de órgãos de 2019. O procedimento foi realizado por meio da Comissão Intra-hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplante (CIHDOTT) em parceria com o Programa Estadual de Transplante. A equipe de médicos do programa veio do Rio para captar o fígado e os rins do jovem.

De acordo com a voluntária que faz parte da Comissão, Denize Neto, o doador foi um jovem de 27 anos, que sofreu um acidente de moto e teve traumatismo craniano, resultando em morte cerebral constatada pela equipe médica. Ela explica que todo paciente em morte encefálica pode ter os órgãos doados. Após o diagnóstico, através de exames específicos, a família deve ser consultada e orientada sobre o processo de doação de órgãos.

O comprometimento das equipes do hospital, a rapidez na realização dos testes clínicos e o acolhimento familiar possibilitam a realização do procedimento, importante para salvar vidas e que só pode ser oferecido voluntariamente pela família de um doador.

Os órgãos que podem ser doados após a morte são: córnea, rim, fígado, coração, pulmão, pâncreas e fêmur. A primeira captação de órgãos da unidade neste ano foi realizada dia 24 de janeiro e o doador foi um rapaz de 22 anos que sofreu um acidente de moto e teve um politrauma, resultando em morte cerebral também constatada pela equipe médica.


Mais do SFn