quinta-feira , 8 dezembro 2016
sedrdftgyghujijkoko

Jovem de Cambuci marca gol do título para o Macaé

swedrftvgyghuh
Fotos: arquivo pessoal/ Fonte: Macaé

O zagueiro Matheus Gomes, iniciou sua carreira profissional em 2006, quando foi aprovado em uma peneira do Fluminense em Cambuci. Em 2007 ele acabou visto por um olheiro do Vasco, e acabou decidindo ir para o cruzmaltino.

– Minha carreira começou em uma peneira do Fluminense que foi realizada em Cambuci, em 2006. Passei na peneira, mas tinha um olheiro do Vasco, que chegou no meu empresário e perguntou se eu não queria ir lá fazer um teste. Nesse intervalo, fui para o Vasco. Então, no caso, eu não tinha nada com Fluminense – explicou Matheus.

Prestes a completar 20 anos de idade, Matheus Cambuci – apelido que carrega por conta de sua cidade natal – foi contratado pelo Macaé por empréstimo junto ao Vasco da Gama, onde ele chegou a ser comparado à Dedé ainda quando atuava pelo sub-15. Como ainda tem idade de juniores, a princípio reforçaria o time sub-20 no Estadual da categoria. Entretanto, um gol decisivo na final de um torneio amistoso pode ter mudado a trajetória do defensor com a camisa alvianil.

O jovem zagueiro, que treina com o elenco profissional desde a sua chegada – no início do mês -, agradou a comissão técnica tanto no coletivo contra o Campos quanto no jogo-treino contra o Atlético de Itapemirim. Aos 19 anos, Matheus Cambuci se destaca pela altura (1,94m) e pelo bom porte físico. Agora, o defensor espera agarrar a oportunidade entre os profissionais e se colocou à disposição do técnico Toninho Andrade.

– Agora é dar continuidade ao trabalho. Estava no Vasco e, como estava sem espaço lá, o meu empresário conseguiu ver um possível empréstimo para o Macaé. Na mesma hora aceitei. Vim a Macaé, conversei com o presidente e fui muito bem recebido por todos. Quero fazer história no clube – afirmou Matheus, que completa 20 anos no próximo dia 26 de janeiro.

E a história do zagueiro começou a mudar na chance que teve ao disputar a Copa Eureka, em Muriaé (MG). Na semifinal, entrou aos 18 minutos do segundo tempo e mostrou segurança na vitória de 2 a 0 sobre a equipe da casa, o Nacional. Já na decisão, atuou durante os 90 minutos e marcou o gol do título sobre o Volta Redonda, em bela cobrança de falta no fim da partida.

– A equipe mostrou bom desempenho na competição. Graças a Deus conseguimos o título e a meta traçada pela gente foi alcançada. O grupo está de parabéns pela conquista e isso nos dá para moral para chegar bem no Carioca – frisou Matheus.

Em uma rede social, o zagueiro externou toda sua alegria ao marcar o gol do título do Macaé.

– Que noite, que sensação maravilhosa! Pai só tenho a te agradecer, os seus planos são muito maiores do que os meus. Obrigado por tudo que vem fazendo em minha vida. Começar o ano assim não tem explicação – disse na publicação.

Fonte: Ascom

sedrdftgyghujijkoko

SFn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *