Justiça decreta prisão preventiva de acusado de abusar de filha e de enteada em Nova Friburgo Um enteado do autor, de 17 anos, também relatou ter sido vítima de abuso sexual por parte do padrasto aos 9 e aos 11 anos de idade

Um enteado do autor, de 17 anos, também relatou ter sido vítima de abuso sexual por parte do padrasto aos 9 e aos 11 anos de idade

O Juiz Marcelo Villas, da 2ª Vara Criminal de Nova Friburgo, decretou a prisão preventiva de um homem, de 34 anos, acusado de abusar sexualmente da própria filha e da enteada. As vítimas, atualmente com 14 e 16 anos, tinham 7 e 9 anos quando os abusos começaram. Os abusos aconteceram na zona rural entre as cidades de Nova Friburgo e Teresópolis.

O caso foi descoberto a partir de uma denúncia do Conselho Tutelar de Friburgo, que procurou a Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher do município ao receber informações sobre duas adolescentes que estariam sendo vítimas de violência física e sexual por parte do pai/padastro.

Um enteado do autor, de 17 anos, também relatou ter sido vítima de abuso sexual por parte do padrasto aos 9 e aos 11 anos de idade. O acusado já foi preso uma vez por tráfico de drogas.

Na DEAM ele foi autuado pelos crimes de Estupro de Vulnerável e Lesão Corporal no âmbito doméstico, na forma da Lei Maria da Penha.


Mais do SFn