segunda-feira , 24 setembro 2018

Lote de leite condensado é proibido pela Anvisa Segundo a agência, produto fabricado pela Baduy contém excesso de bactéria que pode causar vômito, diarreia e mal-estar

Segundo a agência, produto fabricado pela Baduy contém excesso de bactéria que pode causar vômito, diarreia e mal-estar

Foto: Reprodução

A venda de um lote de leite condensado Fazendeira, fabricado pela Baduy, foi definitivamente proibida pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) nesta quarta-feira (03/01).

Segundo a Anvisa, o produto contém em excesso a bactéria estafilococos coagulase positiva, que pode causar vômitos, diarreia e mal-estar. O lote vetado foi o 0681M1, com validade até 17 de janeiro deste ano.

O lote já havia sido interditado preventivamente por 90 dias em setembro de 2017, mas foi proibido definitivamente porque a Baduy não apresentou contraprova à interdição inicial, de acordo com a Anvisa.

A Baduy terá que recolher todo o estoque existente no mercado e não poderá comercializar nem distribuir o produto. Segundo a companhia, toda a documentação e esclarecimentos foram prestados aos órgãos competentes (ANVISA e Vigilância Sanitária), inclusive já fora realizado o RECALL do produto na época do ocorrido. Informa ainda que não há nenhuma quantidade do produto em nosso estoque. Além disso, fora feito a rastreabilidade do produto e a quantidade encontrada no mercado já fora recolhida e descartada.

A empresa informou ainda que não houve registro(s) no SAC ou em qualquer outro órgão com reclamações do produto Leite Condensado Fazendeira com data de fabricação do dia 17/01/2017 Lote 0681 M1. Segundo a Baduy, para garantir e certificar a qualidade do produto, a companhia solicitou a realização de laudo técnico Certificado pelo Laboratório IBERPHARM para pesquisa de microrganismos patogênicos, incluindo Contagem de Estafilococos Coagulase Positiva, no mesmo lote questionado e o laudo não apresentou irregularidade.


Mais do SFn