terça-feira , 17 outubro 2017
Morador não foi vacinado. Fotos: Arquivo

Macaé registra o primeiro caso de febre amarela Paciente já teve alta e está curada, segundo a prefeitura

Paciente já teve alta e está curada, segundo a prefeitura

Cidade vai intensificar vacinação. Fotos: Reprodução/ Arquivo

O Estado do Rio de Janeiro confirmou mais um caso febre amarela. Dessa vez, em Macaé, no Norte Fluminense. Em nota enviada para a imprensa, a prefeitura da cidade informou que a vítima possui 42 anos e que mora na localidade de Cachoeiros de Macaé (limite com Casimiro de Abreu).

Ainda de acordo com a nota, a vítima esteve na Cachoeira Pai João, em Casimiro, uma semana antes de apresentar os sintomas da doença. No dia 9 de abril, a paciente deu entrada no Hospital de Casimiro e de lá foi transferida para o Hospital Público Municipal (HPM) no mesmo dia. Já no dia 10 de abril, a paciente foi encaminhada para o Hospital São Sebastião, no Rio de Janeiro – unidade referência em tratamento da doença no estado -, de onde teve alta no dia 18 de abril.

Macaé iniciará amanhã nova estratégia de imunização na região serrana, incluindo no público-alvo os idosos. A cidade já vacinou, até o momento, cerca de 175 mil pessoas.

Até o momento, o estado do Rio possui nove casos de infecção pelo vírus, sendo sete deles, em Casimiro de Abreu onde um homem morreu. Os outros casos foram registrados em São Fidélis e em São Pedro da Aldeia, onde o morador da cidade contraiu a doença quando viajou a zona rural de Casimiro de Abreu.

Além desses, um idoso de 69 morreu em Silva Jardim após ter tomado a vacina contra a febre amarela. O caso segue sendo investigado. A vítima pode ter morrido em decorrência do vírus ou por uma reação adversa à vacina. Exames preliminares apontaram a presença do vírus da febre amarela no idoso.


Mais do SFn

SFn