Macaé terá seminário sobre uso medicinal da Cannabis Evento será aberto ao público em geral; aspectos jurídicos e fisiológicos do uso medicinal da cannabis serão abordados por especialistas, além da oportunidade de mesa de debates

Evento será aberto ao público em geral; aspectos jurídicos e fisiológicos do uso medicinal da cannabis serão abordados por especialistas, além da oportunidade de mesa de debates

Fotos: Reprodução

Com a recente regulamentação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para a fabricação, importação e comercialização de medicamentos derivados da Cannabis, questões sobre os benefícios, critérios e utilização do extrato da planta ganharam mais força e necessidade de esclarecimento. É com esse objetivo que a Prefeitura de Macaé, através da Secretaria Municipal de Saúde, em parceria com a Associação Brasileira para Cannabis (ABRA Cannabis), promoverá o 1º Seminário sobre a Cannabis Medicinal no município. Os encontros serão realizados no Centro de Convenções Roberto Marinho, nos dias 14 e 15 de março, de 9h às 17h. Os aspectos jurídicos e fisiológicos do uso medicinal da cannabis serão abordados por especialistas, além da oportunidade de mesa de debates. (continua após a publicidade)

O representante da ABRA Cannabis, Vinicius Pereira, ressalta que discutir e ampliar a abordagem do assunto é fundamental para que mais pessoas possam usufruir dos benefícios medicinais do extrato da cannabis. “Encontros como esse que será realizado em Macaé estão sendo feitos em todo o Brasil a fim de que mais pessoas possam conhecer e serem beneficiadas, ganhando mais saúde e qualidade de vida”, disse. Denise Mello, mãe de uma menina de 4 anos, que nasceu com microcefalia e, atualmente, faz uso do extrato para tratar das epilepsias intracranianas, está à frente da organização Rede do Bem, que está sendo criada em Macaé. Ela afirma que os resultados foram impressionantes e que em apenas um mês e meio de uso, as epilepsias da filha diminuíram em 20%. “Estamos falando de algo que está trazendo mais dignidade para a vida das pessoas e que necessita ser desestigmatizado”, enfatiza.

O evento será aberto ao público em geral, desde pacientes a profissionais da área de saúde. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo e-mail: saudecannabicamacae@gmail.com. O Centro de Convenções está localizado na Rodovia Amaral Peixoto, km 181, São José do Barreto. No dia 14 de março, um sábado, acontece uma apresentação sobre o tema e logo depois o Doutor em Psicologia pela UERJ, Lauro Pontes, fala sobre a história da maconha e questões psicossociais. Os aspectos medicinais serão apresentados pelo Dr. Eduardo Faveret, neurologista pediatra e Coordenador do Centro de Epilepsia do Instituto Estadual do Cérebro Paulo Niemeyer. A partir das 15h haverá debates e perguntas, e depois, uma palestra sobre técnicas de cultivo em pequenos espaços com Bernardo Monteiro. No domingo (16/03), temas como a fisiologia, botânica e técnicas de cultivo serão debatidos por Pedro Zarur e Daniel Zarur. Haverá ainda uma conversa sobre pragas e outras questões agrícolas e aspectos Jurídicos.

Mais do SFn