segunda-feira , 26 agosto 2019

Mais de um ano após anúncio de reforma, brinquedos de parquinhos continuam quebrados "Todos os parques existentes no município serão reformados", disse a Prefeitura em uma postagem em maio do ano passado

"Todos os parques existentes no município serão reformados", disse a Prefeitura em uma postagem em maio do ano passado

Já se passou mais de um ano desde que a Prefeitura de São Fidélis fez uma publicação em sua página oficial no Facebook dizendo que iria reformar todos os parquinhos infantis da cidade. “Todos os parques existentes no município serão reformados e o da Vila dos Coroados que foi desmontado, será instalado com novos brinquedos no espaço ao lado do Tancredão”, diz a postagem da Prefeitura. De lá pra cá, pouca coisa mudou. Apenas o parquinho, que fica na antiga Praça da Lagosta e um próximo à linha férrea, receberam algumas intervenções. (continua após a foto)

Nos demais, nada foi feito. Faltam grades de proteção em alguns brinquedos, além de balanços e partes de outros brinquedos. O problema afeta todos os parquinhos da cidade, que são as únicas áreas de lazer para crianças. Há brinquedos quebrados nos parquinhos da beira linha e no do Cristo Rei, que está em situação pior. Também tem brinquedos quebrados no da Penha, além do parquinho da Euclides da Cunha, na Beira-Rio. Nesse, alguns brinquedos nem existem mais. No parque da beira linha, além de brinquedos, o portão também está quebrado. Ao invés de crianças, encontramos vários cachorros (foto no final), fazendo com a areia esteja contaminada. Este passou por reforma no ano passado.

E o que falar do parquinho da Vila dos Coroados? Ele foi destruído pela prefeitura para dar lugar a uma unidade de saúde, mas a obra do posto médico está parada e abandonada pela prefeitura há anos. A promessa era de que o parquinho seria construído em outro local, o que não aconteceu até hoje. Desde o último dia 12 nossa redação tenta um posicionamento da Prefeitura de São Fidélis, para saber o motivo da promessa de reformar os parquinhos não ter sido cumprida, mas não fomos respondidos até hoje.


Mais do SFn