sexta-feira , 14 dezembro 2018

Moradores pedem ajuda para custear despesas veterinárias de cadela atropelada, em São Fidélis Segundo a moradora que a socorreu, algumas pessoas ao invés de ajudar ficaram rindo e ainda queriam matar o animal

Segundo a moradora que a socorreu, algumas pessoas ao invés de ajudar ficaram rindo e ainda queriam matar o animal

Fotos: Reprodução

A violência contra os animais cresce a cada dia por todo o Brasil. Nesta semana, o caso de um cão brutalmente agredido, que acabou morrendo, em um hipermercado, chamou a atenção. Em São Fidélis, um caso de maus tratos também quase tirou a vida de uma pequena cadela, que foi atropelada no bairro São Vicente.

Segundo a moradora que a socorreu, algumas pessoas ao invés de ajudarem ficaram rindo e ainda queriam matar o animal. Felizmente, a cadela conseguiu se recuperar. Agora, outros moradores que defendem os animais pedem ajuda para quitar as despesas veterinárias, pois a mulher que fez o socorro não tem condições de custear.

“Ficou uma conta de R$ 800, pois ela (a cadela) teve várias contusões na coluna e fez exames que são caros. A pessoa que ajudou foi de coração levar, mas não tem condições de pagar” – disse uma leitora. Quem quiser ajudar pode doar qualquer valor na clínica Vetclin, localizada ao lado da Câmara de Vereadores. A cadela também está disponível para adoção.

 


Mais do SFn