terça-feira , 21 novembro 2017

MP denuncia mais de 60 pessoas por tráfico de drogas e organização criminosa em Campos Acusados são principais integrantes da organização criminosa Terceiro Comando Puro (TCP)

Acusados são principais integrantes da organização criminosa Terceiro Comando Puro (TCP)

Fotos: Reprodução

Oito denúncias criminais contra os 66 principais integrantes da organização criminosa Terceiro Comando Puro (TCP), que controla diversos pontos de drogas em Campos, foram apresentadas nesta sexta (10) pelo Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ).

Os denunciados foram investigados entre 24 de agosto e 13 de setembro deste ano pelo MPRJ em parceria com a Polícia Civil. Os traficantes atuavam nos bairros de Guarus, Lapa, Comunidade Tira Gosto, Portelinha, Costinha, Jockey e Novo Jockey.

O trabalho tem aproximadamente 16 mil páginas, com provas e evidências como transcrições de escutas telefônicas, depoimentos de testemunhas, relatórios de apreensões de armas de fogo e drogas e da execução de um menor.

Entre os denunciados, estão todos os três líderes do grupo criminoso, além de gerentes, intermediadores na aquisição, vendedores e revendedores. As denúncias foram protocoladas junto à 1ª Vara Criminal da Comarca de Campos. Todos os 66 já estão presos.

Para exercer o controle do tráfico de drogas, segundo o MPRJ, os acusados usavam armas e suas funções na organização criminosa eram divididas e realizadas de forma ordenada e premeditada. Uma parte ficava responsável pela negociação de compra de armas e drogas junto a fornecedores fora da região e outra encarregada da comercialização dos entorpecentes. A organização criminosa aliciava menores, atemorizava moradores e praticava homicídios conforme o interesse dos líderes da corporação.


Mais do SFn